Início Respostas Consultório Campo linguístico: Escrito/Oral
Thiago Lima Estudante Araraquara, Brasil 767

Existe realmente uma diferença entre os verbos pensar e achar? Em alguns sites tentam separá-los, principalmente para ensino de português como língua estrangeira, mas como nativo a única diferença que vejo é que pensar é usado para situações como provas, redações e maior formalidade e achar para situações corriqueiras, não impedindo que pensar entre no lugar de achar.

Obrigado.

Joaquim Lapa Reformado Anadia, Portugal 1K

Há dias, ouvi alguém dizer que não andava a fazer "nestum". Parece a mesma palavra que a conhecida marca comercial, ou será o mesmo que «nada»? Como apareceu esta expressão?

Paulo Faria Redator publicitário Porto, Portugal 433

A expressão «prá frente» existe, é aceitável, está bem escrita?

Ana Lopes Estudante Oliveira de Azeméis, Portugal 741

Gostaria de saber se a palavra "transecto" (antigo A.O.) perde o "c" e passa a transeto.

Obrigada

Marcelo Castro Consultor financeiro Luanda, Angola 2K

A expressão «... País de Gales...» está correcta ou errada? Pode-se escrever sem o artigo neste caso específico?

«Não estou a ver a Inglaterra a jogar contra País de Gales sem sofrer.»

Obrigado

Aliston Fernandes Coronel Fabriciano, Brasil 951

Gostaria de saber qual seria a pronúncia correta das palavras hóquei e handebol, pois pelo menos no Brasil os meios de comunicação costumam pronunciar da mesma forma que se pronuncia no inglês, mas, seguindo a norma da nossa língua, o h não deveria ter som, ou isso varia nos casos de aportuguesamento?

João Albano Nunes Ribeiro Reformado Póvoa de Varzim, Portugal 661

Assisti a uma conversa em que a esposa dizia: «Fulano [o marido], por acaso, até me preparou o pequeno-almoço.» Acontece que o marido executa essa "tarefa" com alguma regularidade. Será que o facto de a dita esposa, naquela conversa, ter aplicado a locução «por acaso», pode ser interpretado como, não digo depreciar, mas desvalorizar a ação do marido?

Grato pela atenção.

Helen Bampi Brasil 1K

Gostaria de saber se a expressão «como assim» seguida de um complemento deve ter vírgula. Por exemplo: «como assim você não quer?», «como assim ele caiu?», «como assim azul? Eu achei que era verde».

Deve haver vírgula após «como assim»?

Obrigada!

Francisco Pires Estudante Jyväskylä, Finlândia 1K

Tento seguir o acordo ortográfico o melhor que posso, mas parece que as mudanças acontecem mais rapidamente do que eu consigo aprendê-lo. Li hoje no Correio da Manhã a palavra "intercetar"; eu ainda utilizo a palavra "interceptar". Qual é a forma correta? É opcional utilizar qualquer uma das formas? Segundo me apercebi, o Correio da Manhã só utiliza a palavra "intercetar".

Rui Vicente Docente Lisboa, Portugal 10K

A minha dúvida prende-se com a divisão silábica da palavra superfície. Da pesquisa que fiz pré-acordo, não posso separar um hiato, onde a sílaba final é átona, neste caso o -cie. Mas e depois do acordo? Algo mudou?

Muito grato!