Consultório - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
 
Início Respostas Consultório
Carolina Monteiro Estudante Lisboa, Portugal 178

Nas frases «O colégio de carcavelos é o melhor. Passei lá sete anos da minha vida.» o advérbio de lugar tem função de coesão referencial ou interfrásica?

Vasco Pereira Estudante universitário Guimarães, Portugal 110

Acusado é um verbo de ação ou processo?

Carlos Miguel Gonçalves Padre Moscavide, Portugal 119

Sempre disse e ouvi dizer o nome Isaac como que contraindo os dois a em á; portanto [Izáque].

Recentemente ouço dizer e ler este nome de outras formas, nomeadamente [Izá-áque].

Eu julgava que o uso tinha consagrado a primeira forma de dizer, mesmo mantendo a grafia que aparece já desde a personagem bíblica, o patriarca Isaac filho de Abraão. Mas agora fico na dúvida.

Poderiam esclarecer se neste caso há ou não uma forma correta de dizer este nome.

Muito obrigado por todo o vosso trabalho.

João Oliveira Gestor de conteúdos Lisboa, Portugal 185

Qual é a génese do termo ror?

Vi em alguns dicionários que estaria ligado a horror. Essa informação está correta?

Eduardo Serra Estudante Porto, Portugal 241

Gostaria de saber qual é a relação entre juízo e julgamento, em que situações é que as duas palavras são sinónimas.

Tinha ideia de que a palavra juízo dizia respeito, em geral, à avaliação da qualidade de uma coisa (sob uma perspectiva moral ou outra) e à opinião que dela se forma e que julgamento diria respeito ao processo jurídico e à sentença que dele resultaria. No entanto, tenho reparado que muita gente usa a palavra julgamento com o sentido de juízo referido atrás, mas nunca o contrário.

À primeira vista pareceu-me que esta troca de significados estaria relacionada com a tradução de inglês para português através da proximidade gráfica e fonética (tradução de judgment para julgamento em vez de juízo) como acontece com as traduções de luxury para luxúria em vez de luxo, library para livraria em vez de biblioteca, port para porta em vez de porto, entre outras.

Fiz uma pesquisa superficial pela Internet e fiquei ainda mais confuso quanto ao significado das duas palavras (e ainda se complicou mais quando juntei os verbos julgar e ajuizar na mistura), por isso, agradeço qualquer esclarecimento.

Eugene Geppert Médico aposentado Florida, Estados Unios da América 236

A minha dúvida é sobre a diferença de significação entre as seguintes orações:

1. Ela espera que a Ciones tenha feito o exame antes de os seus pais voltarem.

2. Ela espera que a Ciones venha a ter feito o exame antes de os seus pais voltarem.

Outra dúvida: a estrutura «vir a» é uma perífrase? Se é, qual é a significação ou função da perífrase?

María Aparicio Professora Valladolid, Espanha 567

Tenho uma dúvida em relação ao uso dos relativos que e quem. Normalmente se costuma dizer que quem se usa para pessoas.

A minha dúvida é, por exemplo, na seguinte frase: «O homem de quem te falei é o meu pai.» Seria correto dizer «o homem de que te falei é o meu pai»? É sempre possível utilizar que nos contextos em que normalmente se usa que?

Muito obrigada!

José de Vasconcelos Saraiva Estudante de Medicina Foz do Iguaçu, Brasil 184

Desejava saber como se deve construir o verbo acompanhar na acepção de «relacionar-se com», «associar-se a», e na de «ser servido com», falando-se de pratos.

Exemplos: «A Miguela acompanha com um rapaz estranho», «A Miguela acompanha-se com um rapaz estranho», «A feijoada é um prato português e acompanha-se com laranja e arroz branco» e «A feijoada é um prato português e acompanha com laranja e arroz branco.»

Sempre se disse: acompanhar-se com? Modernamente o pronome se caiu? Quais são preferíveis das construções na norma culta portuguesa?

Agradecimentos cordiais do Brasil.

Laudicea Ramos Advogada João Pessoa, Brasil 173

Estou escrevendo um romance de época que se passa em 1930. As expressões «matar dois coelhos de uma só cajadada» e «panos pras mangas» existiam nessa época?

Júnior Lima Dias Estudante de Direito Maceió - AL, Brasil 138

A palavra saliência no diminutivo perde o acento? "Salienciazinha"?

Grato!