Consultório - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
 
Início Respostas Consultório
Vitor Alberto Lessa Oficial administrativo Brasil 94

Minha dúvida é deveras simples: qual é o sentido da preposição em em textos religiosos, por exemplo, «Por Cristo, com Cristo e em Cristo», «escravo de Jesus em Maria»?

Tratar-se-ia de um sinônimo mais cerimonioso de «por meio de», «mediante», «com o auxílio de», etc.?

Agradeço-vos desde já.

José Luiz Ferreira Reformado Lisboa, Portugal 110

Vi um vosso comentário sobre «alguns provérbios alusivos à água», quando procurava a explicação para um sobre o mesmo tema que não constava daquela lista.

É ele o seguinte: «Na água turva é que se apanha o "bargue”».

Por mais voltas que desse não encontrei a palavra "bargue".

Antecipadamente muito obrigado pela ajuda.

Gilda Silva Aposentada Seixal, Portugal 95

Qual a frase correta?

«Foram realizadas centenas de protestos», ou «foram realizados centenas de protestos»?

José Baltazar Reformado Montijo, Portugal 160

'"Interlocado", do francês interloqué, existe em português?

Inês Pantaleão Médica Porto, Portugal 159

Ouço com frequência, especialmente no telejornal, algo de que dou exemplo – «os antibióticos perderam eficácia devido à capacidade que as bactérias têm de lhes resistirem...» – quando, penso, deveriam dizer «devido à capacidade que as bactérias têm de lhes resistir».

Num simples exercício para verificar a correção da mensagem: as bactérias têm capacidade de quê? – de resistir (aos antibióticos) e não de resistirem...

José Saraiva Leão Estudante Foz do Iguaçu, Brasil 145

dicionário de Caldas Aulete dá para a locução adverbial «ao abrigo de» o valor de «defendido contra» em vez de «ao resguardo de».

Porém, como interpretar «um direito ao abrigo duma lei» como "um direito defendido contra"?

Muito obrigado!

Vítor Carvalho Aposentado Odivelas , Portugal 124

Hoje ouvi na TV: «Já chegou o atleta que sagrou-se campeão!»

Então, não deveria dizer-se: «Já chegou o atleta que se sagrou campeão!»?

Ou estamos perante mais uma modernice por conta do acordo ortográfico?

João Ventura Editor Setúbal, Portugal 254

Qual é a forma correcta de abreviar companhia? A Infopédia assinala "Ca.", uma lista da Universidade Católica disponível online refere "co" e ainda encontro muitas vezes a abreviatura "cia.".

Haverá mesmo uma forma definida de abreviar esta palavra?

Agradeço antecipadamente o esclarecimento.

Hélder Santos Estudante Braga, Portugal 156

Eu vejo frequentemente o uso de irradiar como sinónimo de «expulsar alguém ou algo».

O Sol irradia calor e luz. Uma pessoa irradia boa disposição. Um projeto visa irradiar o gosto pela língua portuguesa. Até neste site já foi esclarecido uma vez que isso está correto porque supostamente significa «afastar» (de acordo com a Porto Editora).

No entanto, a palavra irradiar vem de radiar, «emanar alguma coisa». Como tal, não faz sentido que seja usada com tal sentido. Seria muito estranho que uma palavra que significa tão claramente «espalhar» ou «propagar» tivesse o significado exatamente oposto de «acabar com algo, evitar que se propague». Erradicar, por outro lado, é claro. Significa «cortar algo pela raiz, eliminar alguma coisa para sempre», como «erradicar a pobreza ou uma doença».

Neste sentido gostaria de esclarecer que expressão se encontra correta:

– «Vamos irradiar a pessoa que nos causou tantos problemas.»

– «Vamos erradicar a pessoa que nos causou tantos problemas.»

Raul Matos Agente de navegação Aveiro , Portugal 177

A expressão «sinto-te a falta» em vez de «sinto a tua falta» está gramatical e sintaticamente correta? Se sim, serão intercambiáveis em termos de significado?

Desde já obrigado.