Início Respostas Consultório Campo linguístico: Dicionários
Margarida Ferreira Reformada Odivelas, Portugal 314

Nas traduções de inglês para português, começa a aparecer o verbo empatizar e o adjetivo empático. Será aceitável?

Rafael Streithorst Pesquisador Cachoeirinha, Brasil 589

Quando sabemos que a palavra até está exercendo a função de advérbio de inclusão ou está funcionando como uma preposição?

Álvaro Vaz Engenheiro civil Maputo, Moçambique 962

Penso que a forma correcta de nos referirmos a algo que acontece inúmeras vezes é «vezes sem conto». No entanto, vejo ser cada vez mais utilizada a expressão «vezes sem conta». Qual é a forma correcta?

Obrigado.

Vanessa Osório Consultora de comunicação Lisboa, Portugal 5K

A palavra saciante existe?

Alfredo Leite Médico Lisboa, Portugal 4K

O acto de remover uma cânula de traqueotomia designa-se decanulação, ou descanulação?

José Raeiro Estudante Lisboa, Portugal 6K

É correcto usar a palavra estereotipado como adjectivo do substantivo estereótipo, quando este significa opinião preconcebida?

Todos os dicionários portugueses que consultei parecem não abarcar esse uso do adjectivo.

João Pimentel Ferreira Examinador de patentes de invenção nacional Lisboa, Portugal 2K

Trabalho neste momento como examinador de patentes de invenção no INPI — Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Um dos critérios para aceitação das mesmas é, tal como consta em despacho no Diário da República, estarem redigidos em língua portuguesa.

O que sucede é que muitas vezes recebemos avalanchas de termos técnicos de origem anglófona e francófona, sendo por vezes dúbios os critérios de aceitabilidade dos termos técnicos referidos.

O dicionário técnico que presentemente utilizamos é o IATE. Vede por favor.

É o que está padronizado na Europa.

Pedia-vos que me indicassem um dicionário com a tradução dos termos técnicos, de acordo com as regras fonológicas, gramaticais e semânticas da língua portuguesa, que servisse para sugerir, aos requerentes das respectivas patentes em notificações de exame formal, que os empregassem.

Agradecido de antemão.

Júnior Souza Estudante Mossoró, Brasil 7K

Saber se um substantivo é epiceno é difícil, pois os dicionários, ao menos o que eu uso, não informam...

Há alguma forma de saber se um substantivo é ou não é epiceno?

Outra pergunta: dragão e baleia são substantivos epicenos?

João Alves Professor Sintra, Portugal 5K

Tendo encontrado dicionarizada a palavra quadrilheiro, com sentido de «coscuvilheiro, bisbilhoteiro», estranhei não encontrar "quadrilhice", que é uma palavra de uso corrente na zona oeste [Portugal], e penso que também em Lisboa, pelo menos.

Outra situação com algum paralelo talvez seja "pastelar", com o sentido de «preguiçar», ou «demorar a fazer», que não encontro dicionarizada, e me parece de uso generalizado.

Estranho sempre a nossa facilidade em adoptar vocabulário estrangeiro, enquanto há tanta resistência em assumir vocabulário deste tipo, que faz parte do léxico de tantos falantes. Gostaria de saber como as classificam quanto à generalização do uso e se consideram aceitável o seu uso escrito.

Josane Andrada Aposentado Porto Alegre, Brasil 4K

Aqui no Brasil observo o uso do sufixo -ório quando o dicionário prevê o uso de -dor. Exemplo: "fiscalizatório" por fiscalizador. Existe uma regra para este uso, ou é válido apenas o que se encontra no dicionário?