Início Respostas Consultório Área linguística: Morfologia Construcional
Alberto Moura Pesquisador Lisboa, Portugal 261

Gostaria de saber se o uso das terminações -ita em Portugal e -ite no Brasil em palavras como malaquita/malaquite é uma regra consistente. Por exemplo, se vejo um mineral referido apenas como caulinita sem referência ao termo caulinite, posso ainda assim deduzir que no Brasil o termo correto seria caulinite, ou trata-se de uma prática casuísta, em que cada termo terá uma terminação (malaquite, mas caulinita, por exemplo)?

Muito obrigado.

José Saraiva Médico Porto, Portugal 340

Na comunidade médica é comum ouvir/ler-se o termo "esvazionamento" (no contexto, por exemplo, da exérese[*] de todo um grupo de gânglios linfáticos: «esvazionamento axilar»). Julgo que esteja incorrecto e apenas exista no léxico português o termo "esvaziamento". Correcto?

[*] Exérese: «remoção por cirurgia» (Dicionário Houaiss).

Mário Pereira Leiria, Portugal 507

"Borrada" (de borra) e "burrada" (de burro) podem considerar-se sinónimos, no sentido de «asneira, tolice»?

William de Assis Revisor de Textos São Paulo, Brasil 368

Quando me refiro à Bíblia, digo que é algo bíblico, leis bíblicas, etc. E quando me refiro ao Torah/Torá? Digo que é algo "toraico"? Leis "toraicas"? E ao Alcorão?

Desde já agradeço pela atenção.

Catarina Amaral Professora Viseu, Portugal 1K

Gostaria se saber qual é o superlativo absoluto sintético do adjetivo esguia.

Margarida Ferreira Reformada Odivelas, Portugal 839

Nas traduções de inglês para português, começa a aparecer o verbo empatizar e o adjetivo empático. Será aceitável?

Maria Morais Professora Porto, Portugal 651

Gostaria de saber a vossa opinião sobre o processo de formação das palavra justapor. Julgo saber que justa é um prefixo latino, cujo sentido de «ao lado de» poderá não ser imediato para os falantes e por isso ser considerado um eruditismo. Mesmo assim, o elemento justa parece manter as características prototípicas de um prefixo. No vosso entender há fundamento para considerar a palavra justapor como formada por composição? E nesse caso, o elemento justa é visto como radical ou palavra?

João Luís Professor Porto, Portugal 514

Num exercício questionam se se escreve «uva passa» ou uva-passa, já procurei em vários locais designadamente em dicionários e a indicação nuns é de uma forma e de outros noutra, será que me podem auxiliar com indicações precisas é possível referenciação?

Obrigado.

Dulce Pais Professora Lisboa, Portugal 1K

O diminutivo do substantivo colher é "colherzinha" ou "colherinha"?

Obrigada.

João Carlos Amorim Reformado Lisboa, Portugal 506

Queria saber se, com as novas regras do Acordo Ortográfico quanto ao não uso, já, do hífen nas locuções que têm elementos de ligação, devemos escrever "azuis-e-brancos" – como se pode ver nesta notícia na página da RTP, do dia 15/01 p.p. – ou, agora, «azuis e brancos».

[Na terminologia muito própria do futebol, "azuis-e-brancos" (ou, antes, «azuis e brancos»?), lembremos que se usa para denominar a equipa do Futebol Clube do Porto, cujas camisolas dos jogadores têm essa cor.]

Os meus agradecimentos.