Início Respostas Consultório Campo linguístico: Ortografia de palavras/Adaptação de estrangeirismos
Ana Margarida Estudante Torres Vedras, Portugal 644

A minha dúvida prende-se com a divisão silábica da palavra conseguia. Ao pesquisar a resposta, encontro con-se-gui-a ou con-se-guia e fico na dúvida se a palavra é trissílabo ou polissílabo.

Muito grata!

João Cruz São Martinho – Seia, Portugal 425

Gostaria de saber se o termo correcto é "torcaz" ou "trocaz" e o seu significado. Encontrei vários "pombos-trocazes" e "pombos-torcazes", espécies aparentadas, mas suspeito que o nexo da troca de posição do "o" e do "r" não tenha muito a ver com a biologia.

Muito obrigado pela disponibilidade e pela continuidade dada ao Ciberdúvidas!

Fernando Bueno Engenheiro Belo Horizonte, Brasil 499

«Depois disso, espreguiçava-se lentamente, deixava-se cair sobre a relva, braços e pernas esticados ao máximo, olhos fixos no azul celeste, por onde tufos de nuvens, aqui e acolá, passavam indolentes.»

Na frase acima, pode-se grafar «azul celeste», assim, sem o hífen, considerando não a cor, mas um tipo de azul que seja celeste, significando «do céu»?

Obrigado.

Filipe Gomes Estudante Lisboa, Portugal 584

Em Matemática fala-se em «independência linear» de um conjunto de vectores, dizendo-se que estes são «linearmente independentes». Uma outra noção relacionada é a de «independência afim» de um conjunto de pontos. Em inglês, utiliza-se a expressão affinely independent. Existe uma expressão correspondente em português? Dito de outro modo, existe (e, caso exista, qual é) o advérbio de modo correspondente ao adjetivo afim? Encontrei o termo "afimmente" numa pesquisa na Internet, mas apenas nos sumários de uma disciplina universitária de Matemática. Esta parece-me a opção mais sensata, analogamente ao que sucede com o advérbio comummente...

Virgilio Cruz Conceicao Enfermeiro Coimbra, Portugal 579

Gostaria que me esclarecessem a seguinte dúvida: como devo escrever a palavra "coxofemoral", ou "coxo-femoral"? Já a vi escrita das duas maneiras e não consigo perceber qual delas é a correta.

Obrigado.

Renato Souza Rio de Janeiro, Brasil 388

É lícito criar o topónimo "Burgo de São Pedro" para denominar a cidade russa "Sankt-Peterburg" ?

P.S.: Reconheço haver a forma "São Petersburg".

Gabriel Rossi Estudante São Joaquim da Barra – SP, Brasil 678

"Hiroshima", ou "Hiroxima"? "Bangladesh", "Bangladeche" ou "Bangladexe"? Seria facultativo, nos casos em que a adaptação ao idioma é pouco usada, podendo dar preferência a forma consagrada ?

João Pedro Fonseca Jornalista Lisboa, Portugal 372

 [Atualmente chamada Frente Fatah al-Sham], [escreve-se] «Frente "al-Nusra"» ou «Frente "al-Nosra"»?

Os anglo-saxónicos usam com u, os francófonos com o.

Sónia Costa Professora 1.º Ciclo Lisboa, Portugal 821

Gostaria de saber se a palavra aquático pertence à família de palavras de água. Se sim, qual o processo de formação?

Obrigada.

Diogo Morais Barbosa Revisor Lisboa, Portugal 500

Diz-se numa resposta anterior: «O uso de p maiúsculo em Península Ibérica não é recente. Já em 1947, Rebelo Gonçalves no seu Tratado de Ortografia da Língua Portuguesa (pág. 338/339), assinalava algumas combinações vocabulares que "apesar de baseadas em palavras designativas de acidentes geográficos, formam no seu conjunto locuções toponímicas e, consequentemente, não dispensam a maiúscula inicial naqueles elementos: Grandes Lagos, Península Ibérica, etc.»". Pergunta: a maiúscula em Península aplica-se apenas a «Península Ibérica» (é um caso excecional) ou este acidente geográfico deve sempre ser grafado com caixa alta?

Obrigado.