Início Respostas Consultório Campo linguístico: Hifenização
João Gouveia Estudante Lisboa, Portugal 414

O Dicionário Online Priberam, quando pesquisamos sobre a definição de 'Hífen', fornece-nos a seguinte informação: «hí·fen (latim hyphen, do grego hufén, como um, num só) substantivo masculino [Tipografia] Sinal gráfico horizontal (-) usado na separação de elementos de um composto, de alguns prefixos, de sílabas em fim de linha e de ligações enclíticas, mesoclíticas ou proclíticas. = TIRETE, TRAÇO DE UNIÃO Plural: hífenes. "hífen", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa.»

Eu gostaria de saber se não há um erro por parte do Priberam quando afirma que o hífen pode ser utilizado em ligações proclíticas, uma vez que estas últimas possuem nas suas características o facto de apresentarem ausência de hífen (os pronomes clíticos não se unem por hífen às formas verbais às quais revelam ligação). Existirá, então, um lapso no Dicionário Online Priberam que deveria ser corrigido?

Diogo Maria Pessoa Estudante Lisboa, Portugal 391

Devemos escrever «pré-condicionamento» ou «precondicionamento»? E porquê?

Obrigado e parabéns pelo vosso trabalho.

João Pedro Estudante Lisboa, Portugal 1K

Urso é um substantivo, bebé é um substantivo, podendo este também ser adjectivo («imaturo»); logo, a minha pergunta é: deve escrever-se "ursos bebé" ou "ursos bebés"? Por exemplo, já vi escrito "estrelas bebé", "estrelas bebés", "trutas bebé", "gatos bebés", etc. Parece que não há uma regra de formação do plural quando o hífen não é utilizado. O que levanta outra questão: a utilização do hífen é obrigatória em nomes compostos?

Fernando Bueno Engenheiro Belo Horizonte, Brasil 635

«Depois disso, espreguiçava-se lentamente, deixava-se cair sobre a relva, braços e pernas esticados ao máximo, olhos fixos no azul celeste, por onde tufos de nuvens, aqui e acolá, passavam indolentes.»

Na frase acima, pode-se grafar «azul celeste», assim, sem o hífen, considerando não a cor, mas um tipo de azul que seja celeste, significando «do céu»?

Obrigado.

Virgilio Cruz Conceicao Enfermeiro Coimbra, Portugal 969

Gostaria que me esclarecessem a seguinte dúvida: como devo escrever a palavra "coxofemoral", ou "coxo-femoral"? Já a vi escrita das duas maneiras e não consigo perceber qual delas é a correta.

Obrigado.

João Pedro Fonseca Jornalista Lisboa, Portugal 1K

"Vídeo-árbitro", "vídeoárbitro", ou "vídeo árbitro"?

João Carlos Amorim Reformado Lisboa, Portugal 766

Queria saber se, com as novas regras do Acordo Ortográfico quanto ao não uso, já, do hífen nas locuções que têm elementos de ligação, devemos escrever "azuis-e-brancos" – como se pode ver nesta notícia na página da RTP, do dia 15/01 p.p. – ou, agora, «azuis e brancos».

[Na terminologia muito própria do futebol, "azuis-e-brancos" (ou, antes, «azuis e brancos»?), lembremos que se usa para denominar a equipa do Futebol Clube do Porto, cujas camisolas dos jogadores têm essa cor.]

Os meus agradecimentos.

Armando Mendes Lisboa, Portugal 1K

Pode informar-me se a palavra "interespécies" está corretamente escrita?

A minha dúvida tem a ver com o facto de não saber se se enquadra na «nas palavras compostas que designam espécies na área da botânica e da zoologia» as quais mantêm o hífen.

Pietro Heller Brasil 673

É possível usar a palavra "superenigma"? Ou deveria ser "super-enigma", ou "super enigma"?

Diogo Morais Barbosa Estudante Lisboa, Portugal 2K

Continua a saga dos hífenes; e as contradições entre dicionários. Devemos escrever «bem-vestido» ou «bem vestido»? Devemos escrever «malvestido», ou «mal vestido»?

Obrigado.