Consultório - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
 
Início Respostas Consultório Campo linguístico: Atestação/Significado de palavras
Susana Teresa Belo do Carmo Professora Famalicão, Nazaré, Portugal 203

Em primeiro lugar, um enorme agradecimento por este vosso espaço: um verdadeiro "Templo do Saber".

A minha dúvida prende-se com as palavras aritmética e dramaturgo que, no manual de Português com que trabalho atualmente, aparecem classificadas como sendo palavras compostas. Não consigo encontrar, na bibliografia que me costuma servir de apoio (gramáticas, dicionários e afins), qualquer explicação que suporte esta classificação. Estará correta? Se sim, quais os elementos que entram na composição de cada uma destas palavras?

Um grande bem-haja pela vossa disponibilidade e partilha.

João Nogueira da Costa Lisboa, Portugal 166

O primeiro significado que um dicionário apresenta sobre colo (do latim, collum) é o seguinte: «parte do corpo que liga a cabeça ao tronco; pescoço.»

Não é de estranhar, portanto, que as palavras colar, colarinho, coleira, torcicolo, tiracolo e cachecol pertençam à mesma família lexical. O verbo degolar (latim decollare) pertence, igualmente, a esta família, com o significado de cortar o pescoço.

A minha questão é a seguinte: «pegar uma criança ao colo» terá tido origem no facto de a criança passar um dos seus bracinhos pelo pescoço de quem a traz, para uma maior sustentabilidade?

De facto, colo também tem o significado de «regaço»: «sentar ao colo» e «pegar ao colo» será, igualmente, colocar no regaço ou nos braços, encostando ao peito.

Valentino Viegas reformado Lisboa, Portugal 245

Gostaria de saber se se pode empregar a palavra cozinhação em português.

Domingos Xavier Gomes da Cunha Ferreira Lopes Jornalista Vila Verde, Portugal 165

1. A palavra submunicipal pode ser usada na língua portuguesa ?

2. Em caso afirmativo, e em termos ortográficos, o vocábulo deve ser usado com ou sem hífen?

Mauro Menuzzi Médico Lisboa, Portugal 148

Quem tricota/tricoteia é um/uma "tricotador"/"tricotadora", "tricoteiro"/"tricoteira" ou "tricotadeiro"/"tricotadeira"?

Obrigado.

Francisco Pedro Livreiro Chaves, Portugal 202

Gostaria de saber se é aceitável pronunciar-se e escrever-se «meter-se à bulha». Por exemplo, no Infopédia, pode ler-se «meter à bulha – provocar a discórdia entre». Mas está correto dizer «meter-se à bulha», querendo esta última construção significar «meter-se numa rixa, envolver-se numa quezília»? E, neste sentido, existe alguma palavra que seja definida como «grande luta, grande desavença»? Ou as palavras bulha e rixa significam, só por si, uma grande rixa?

Grato pela atenção.

Domingos Xavier Gomes da Cunha Ferreira Lopes Jornalista Vila Verde, Portugal 259

Existe alguma controvérsia sobre a origem etimológica do termo talefe, enquanto sinónimo de marco geodésico. Terá alguma relação com a palavra telégrafo?

Paulo A.G. Berardo de Andrade Portugal 370

Parece-me que a resposta "Palavras celtas na língua portuguesa" é interessante mas parece bastante incompleta...

Desde logo olhando para a página "Lista de palavras galegas de origem celta" encontro palavras apontadas como de origem celta que conheço: abrunho/abrunheiro, barra, dólmen, dorna, embaixada, menino, bidoeiro/vidoeiro... e várias outras que não são referidas na resposta de Ciberdúvidas acima referida.

Que vos parece?

Rogério Ferreira Eng. Telecomunicações Lisboa, Portugal 283

Qual a origem da expressão «ter um badagaio»?

Joana Cruz Administrativo Rio Maior, Portugal 259

Qual o termo correto (ou mais correto), fresco (português europeu) ou afresco (português brasileiro)?