Início Respostas Consultório Campo linguístico: Atestação/Significado de palavras
Elsa Carneiro Professora Lisboa, Portugal 513

Gostava de saber qual é a origem da palavra cravo (flor).

Muito obrigada pela vossa atenção.

O vosso trabalho é fantástico!

Paulo Rebelo Gonçalves Coimbra, Portugal 242

A expressão inglesa "press release" equivale ao português «comunicado de imprensa» ou «comunicado à imprensa». O que é mais correto: "comunicado de" ou "comunicado à"?

João Luz Ferreira Estudante Mealhada, Portugal 442

O que significa exatamente a palavra eido? Encontrei-a na leitura da seguinte frase da obra Morgadinha dos Canaviais de Júlio Dinis

«Primeiro, trilhou o pavimento mole de um quinteiro ou eido, estradado de altas camadas de mato e embebido de chuva, donde se exalava um cheiro de curtumes, pouco de lisonjear o olfacto mal habituado a estes aromas campesinos.»

É o mesmo que quinteiro, ou tem mais significados?

Ana Rita Leal da Silva Portugal 363

 «Em sequência» ou «na sequência»?

Lúcia Maria Professora Rio de Janeiro, Brasil 422

Qual o significado da expressão «ser um rabo de porco»?

Veja-se esta frase:

«Você é um rabo de porco, mesmo!?»

Ana Santos Técnica de ambiente Lisboa, Portugal 1K

Em documentos relacionados com ecologia fluvial é frequente encontrar-se alternância entre o termo ripário e ripícola para referir organismos que se encontram associados à zona adjacente a linhas de água. Por exemplo: «galeria ripária» e «galeria ripícola». Algum dos termos está errado, ou é menos correto neste contexto?

Luis Matias Covilhã, Portugal 195

Desde criança que ouvi uma expressão relativa ao enchimento em demasia ou no limite de uma colher, por exemplo – juntar uma «colher de cagulo». "Googlando" o termo "cagulo" obtêm-se alguns resultados que referem a existência desta terminologia. Contudo, no dicionário online da Porto Editora – Infopédia –, só existe o termo cogulo com o significado que acima refiro. A utilização do termo "cagulo" é ou não correcta?

Obrigado.

João Carlos Amorim reformado Lisboa, Portugal 997

Ouvindo na rádio uma reação ao falecimento da professora Maria Helena Rocha Pereira – por sinal, um dos seus ex-alunos na Universidade de Coimbra –, estranhei que se lhe tenha referido como «a Mestre». Mestre não faz o feminino mestra? Será que estamos aqui também em presença do mesmo tipo de resistência ao feminino poetisa e juíza, por exemplo?

Os meus agradecimentos pelo esclarecimento.

Guilherme Castanheira Revisor de texto Goiânia, Brasil 300

Qual é a diferença de sentido entre as palavras coerência e congruência?

Renato Souza Rio de Janeiro, Brasil 194

Assim como temos herbal, herbáceo, herbolário, herbi-, herbicida, é correcto utilizar "herba" em vez de erva?