A moda e os seus estrangeirismos escusados - O nosso idioma - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Início Português na 1.ª pessoa O nosso idioma Artigo
A moda e os seus estrangeirismos escusados
A moda e os seus estrangeirismos escusados
Uma lista com a alternativa em português

No mundo globalizado, os estrangeirismos têm invadido a língua portuguesa, e a área da moda não tem sido exceção. Fruto do poder das grandes indústrias desta área que provém maioritariamente do universo anglo-saxónico ou francês, os termos que se têm enraizado nesta cultura não são portugueses, embora muito deles tenham equivalência em português. Veja-se a lista abaixo:

 

  • backstage – bastidores;
  • casual – informal;
  • clutch ou pochete – mala/bolsa de mão, mala/bolsa de festa, carteira;
  • dress code – código de vestuário/vestimenta, indumentária aconselhada, regras de vestuário;
  • fashion ou trendy – tendência, última moda;
  • fitting – prova de roupa/vestuário;
  • glitter – brilhante;
  • it girl – ícone de moda;
  • jumpsuit – macacão;
  • look – imagem, estilo;
  • lookbook – catálogo, portefólio, livro de tendências;
  • make-up – maquilhagem;
  • mule – babuchas;
  • must-have – (acessórios, peça de roupa) imprescindível;
  • oufit – conjunto;
  • oversize – acima do tamanho, largo;
  • print – estampado;
  • shooting –  sessão fotográfica;
  • showroom – sala de exposição (de roupa);
  • stylists – estilista;
  • street style – estilo/moda de rua;
  • top model – modelo.

 

CfDicionário de Estrangeirismos

Sobre a autora

Licenciada em Estudos Portugueses e Lusófonos pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e mestre em Língua e Cultura Portuguesa – PLE/PL2. Leitora no ISCTE.