«Media», média, ¦mídia¦ + "canasto"/canastro - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
«Media», média, ¦mídia¦ + "canasto"/canastro

É correcto aplicar a palavra "Mídia" em lugar de "Media"?

Em alguns livros encontrei a palavra "Canasto" em vez de "Canastro" (construção associada à produção). Estará correcta esta designação?

Berto Portugal 3K

«Media» - Não encontrei «media» como palavra portuguesa nos dicionários que possuo. Aurélio regista «media» ¦mídia¦, mas declara que se trata de palavra estrangeira.

De facto, ¦mídia¦ é a pronúncia inglesa da palavra «media». Mas a grafia «media», pronunciada segundo a índole da nossa língua, seria ¦medía¦. Por outro lado, no meu ponto de vista, o nosso média não corresponde presentemente ao sentido pretendido em «media», que é mais o de (plural de «medium») suportes, instrumentos, meios. Eu uso para os «media» o conjunto: `órgãos (ou meios) de comunicação social´ (grande imprensa, rádio, televisão, cinema, etc.).

Ninguém o proíbe de escrever «media» e de pronunciar ¦mídia¦, como também não é possível proibir a pronúncia de «software» na língua de origem, visto não haver até hoje substituto válido. Mas deve escrever o termo entre aspas (ou em grifo), quando se referir a este estrangeirismo.

Note que Aurélio regista `mídia´, assim mesmo, para `meios de comunicação social´. Num critério de considerar legítimas as variantes da Lusofonia, podemos também em Portugal usar a grafia `mídia´; mas, então eu recomendo que a palavra seja grafada entre comas, por ser um neologismo.

Canasto/Canastro - Para Portugal, encontrei: canasta (jogo) e canastro (cesto alto e estreito; dar cabo do canastro: arruinar a saúde). Para o Brasil, canastra (jogo) e canastro (como para Portugal).

Concluindo, `canasto´ não existe nos vários dicionários que consultei. Canastro existe, mas com as acepções indicadas. Se a utilização pretendida pode ter alguma semelhança com esses sentidos, não vejo qualquer inconveniente na adopção deste último termo.

Mas se se trata de significado muito particular (que desconheço), a palavra com esse valor semântico entra no campo de `termo técnico adoptado por comunidade restrita´, como tantos outros, e só posso dizer que, quer `canasto´ quer canastro, são vocábulos bem formados.

Ao seu dispor,

D´Silvas Filho
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: substantivo