Glossário de erros mais frequentes - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.

Glossário de erros mais frequentes [ Letra: E ]

...e não "ex-aequo". Cf. LATINISMOS.
...e não "(e)locubração".

- Tal como o FUTEBOLÊS, está carregada de tecnicismos complicados e quase sempre mal (ou escusadamente) formados do ponto de vista do português. Alguns dos exemplos: "Contextualizar", "implementação", "problematizar", "paradigmizar", "sponsorizar" (em vez de patrocinar), "standardização" (quando já temos os substantivos normalização ou padronização). Ou estrangeirismos puros como "budget", "cash-flow", "factoring", formato "flatebed", "layout", "management", "partnership", "performance", etc, etc...

... e não "ecran" nem "écran". Tão-pouco "écrã".

...e não "efeito-estufa"; sempre sem aspas.
EM
É frequente o uso incorrecto da preposição em. Cf. REGÊNCIAS, VERBOS ["Reafirmou a sua disposição em...", disposição para/disposição de/"dispõe-se a", tende a].
...e não "emiratos". Cf. BARBARISMOS.
Dif. de em quanto.
As palavras com som es/ex prestam-se a inúmeros erros de ortografia. Cf. PRONTUÁRIO. [Alguns exemplos mais comuns: esplêndido, estrato/extracto, estático/extáctico, estasiado/êxtase, extorquir, exangue, extracção, extrínseco, exequível, elixir, esotérico/exotérico, estipulado/extipulado, estore, estónio, estremado/ /extremado/Estremadura, estrair/extrair, estreme/extremo, estipulado/extipulado, espectador/expectador/expectativa/ expectante/ /expectável, espedido/ expedito/ /expedido, espécime/espécimen, esperto/experto, excursão, "establishment", "Essen"/"Essex", "ex aequo", estratego, espesso/espeço/expeço, etc. etc.].
...e não "exdrúxulo".
...e não "esquesito". [Outras palavras incorrectamente escritas com e ou com i, como reflexo da oralidade: definição (e não "defenição"), definido (e não "defenido"), indispensável (e não "indespensável"), privilégio (e não "previlégio"), etc.].
Dif. de ESTADIA.
Natural da Estónia. Cf. GENTÍLICOS.
...e não "estratega".
Evacuam-se lugares e não pessoas.

Dif. de INVOCAR.

Pronuncia-se tal e qual a palavra exposição. Porquê essa moda da "ecspô"?