Sobre a expressão onomatopaica pá-pá-pá - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Sobre a expressão onomatopaica pá-pá-pá

Tenho um colega que documenta a maneira como as pessoas falam em uma vila. Lá, há pessoas que costumam usar «pá pá pá». Elas fazem construções como:

«Encontrei fulana no mercado e ela disse que está muito feliz, que seu filho estuda Medicina, que a namorada dele é linda e "pá-pá-pá".»

Qual seria a melhor maneira de classificar este tipo de construção? Há alguma figura de linguagem que se enquadre nesse caso?

Ferdinand Le Tout Estudante Rio de Janeiro, Brasil 407

Não conheço um termo preciso que classifique a expressão referida. No entanto, tendo em conta o Dicionário Houaiss (2001), pode considerar-se que é uma expressão imitativa ou onomatopaica (alude aos sons de alguém que fala sem parar, muitas vezes sem se distinguir bem o que é dito), equivalente a blablablá (ou blá-blá-blá), cujo sentido é o de "etc." (et cetera).

Carlos Rocha
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: interjeição
Áreas Linguísticas: Discurso/Texto; Léxico; Semântica Campos Linguísticos: Abreviaturas