Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Aberturas Abertura
Da Síria a Cabo Verde e ao Senegal, passando pela chamada tecnologia VAR no futebol
Da Síria a Cabo Verde e ao Senegal,
passando pela chamada tecnologia VAR no futebol
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 293

1.   A atualidade pontua o que entrou nesta data no Ciberdúvidas. Ou que, de algum modo, convida a recordarmos esclarecimentos antigos.

• A guerra na Síria e uma das suas milícias insurgentes, e o recurso, em Portugal, pela primeira vez num jogo de futebol, da chamada tecnologia VAR (sigla do inglês Video Assistant Referee, em português «árbitro assistente de vídeo»), com duas questões esclarecidas no consultório1. No primeiro caso: escreve-se “Frente al-Nusra” ou “Frente al-Nosra”? E, no segundo: “vídeo-árbitro”, “vídeoárbitro” ou “vídeo árbitro”?

1 Dúvidas sobre a sinonímia de borrada (de borrar) de burrada (de burro), sobre a voz passiva e o se apassivante, e sobre a minúscula inicial em Península (Ibérica) completam as novas respostas da presente atualização.

• A exposição Piedade e terror em Picasso: o caminho até Guernica, em Madrid, celebrando o 80.º aniversário da criação do emblemático quadro do pintor espanhol alusivo à Guerra Civil de Espanha foi notícia também em Portugal. Não se percebe – como se assinala na rubrica Pelourinho – é o misto português-espanhol no nome do museu: «"Museu Reina Sofia"... porquê?»

• E, ainda, a visita oficial a Cabo Verde e ao Senegal do Presidente da República portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa – um bom pretexto para uma pesquisa de temas relacionados com ambos os países, no arquivo do Ciberdúvidas.2

2 Por exemplo: Cabo-verdiano + Cabo Verde, sem tradução + Cabo Verde lança a sua Academia de Letras + Cátedra de Português, como língua de conhecimento, em Cabo Verde + O regionalismo morabeza + Ensino cabo-verdiano adota Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa + Aprender português no Senegal + Sobre a forma do topónimo Dacar + O topónimo Casamansa.

2.  Faleceu neste dia Maria Helena da Rocha Pereira, professora jubilada da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (UC) e um dos maiores vultos dos estudos clássicos em Portugal. Nascida em 3 de setembro de 1925, foi em 1956 a primeira mulher a doutorar-se pela UC, onde também foi a primeira professora catedrática. Deixa uma obra vasta, que dá especial relevo à arte grega, ao latim medieval, às influências clássicas na literatura portuguesa e à tradução de autores gregos e latinos. Além de ter recebido várias distinções e ocupado vários cargos nas estruturas académicas, foi ainda diretora das revistas Humanitas e Biblos.