Português na 1.ª pessoa - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
 
Início Português na 1.ª pessoa
Imagem de destaque do artigo
Mais um descuido no concurso Joker

Mais uma  chamada de atenção ao concurso Joker, no primeiro canal da televisão pública portuguesa. O descuido, desta vez, tem que ver com o acento (errado) no substantivo trapezóide.

Imagem de destaque do artigo
Das dificuldades de comunicação com os jovens

Os modismos são típicos da forma de falar dos jovens e, por vezes, dificultam a comunicação com os adultos. Uma reflexão bem-humorada por Carla Marques

Imagem de destaque do artigo
Casos em que o hífen é obrigatório

O hífen coloca muitos problemas na escrita. Ou porque está a mais ou porque está a menos. Carla Marques recorda algumas regras de uso do hífen que poderão contribuir para uma ortografia mais rigorosa. 

Imagem de destaque do artigo
O «expoente máximo e negativo de uma sociedade capitalista» importado também no nome do original inglês

A propósito de mais um dia de grandes descontos no comércio e a corrida ao mais desbragado consumismo desse «expoente máximo e negativo de uma sociedade capitalista», como  chamou ministro do Ambiente e Ação Climática português João Matos Fernandes, cabe lembrar a razão do termo Black Friday. E, já agora, se estamos num país de língua portuguesa, porque não chamar-lhe «Sexta-Feira Negra»?

Imagem de destaque do artigo
Da extensão dos sentidos de uma palavra

O adjetivo brutal evoluiu dos sentidos negativos e disfóricos para o seu contrário. Em contextos informais, pode funcionar como uma avaliação extremamente positiva, como recorda Carla Marques

Imagem de destaque do artigo
Variação e história da língua em modo televisivo

Para lá das questões de norma linguística, nem sempre tratada com o cuidado devido, os programas de televisão podem também deixar escapar muitas formas que, afinal, são também parte da história da língua. Um texto que assinala duas formas de uso popular – "moio", em vez da forma correta moo (de moer), e xerém/xarém – um tanto disfarçadas no meio da excitação de um concurso televisivo com grande audiência. 

Imagem de destaque do artigo
Maus-tratos do uso erróneo

«Se dúvidas houvessem»??!!...

Imagem de destaque do artigo
Frases feitas e esvaziadas de cordialidade

As frases feitas estão por todo o lado, de tal forma que o seu conteúdo parece ter-se esvaziado.É o caso da expressão «em que mais posso ajudá-lo», recorrente no comércio, como escreve o autor, em crónica originalmente publicada no jornal Público, de 16 de novembro, que a seguir transcrita com a devida vénia. 

Imagem de destaque do artigo

Texto de D'Silvas Filho sobre a Avaliação do Impacto do Acordo Ortográfico de 1990, do Grupo de trabalho da Assembleia da República. O texto completo está disponível na página pessoal do autor.

Imagem de destaque do artigo
Sobre a I Reunião do COLP

Comentário de D´Silvas Filho à primeira reunião do Conselho de Ortografia da Língua Portuguesa (COLP)