Da expressiva hipálage eugeniana ao pessoano nada, característica do ser - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Aberturas Abertura
Da expressiva hipálage eugeniana ao pessoano nada, característica do ser
Da expressiva hipálage eugeniana ao pessoano nada, característica do ser
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 1K

1. A poesia de Eugénio de Andrade é, mais uma vez, motivo de questionação, o que não surpreende, pelas potencialidades que as suas palavras encerram. E Fernando Pessoa também está de volta numa pergunta sobre o seu nada, angustiada e dilacerada característica do ser.

Estas são duas respostas do conjunto de sete que o consultório disponibiliza na presente atualização do Ciberdúvidas*, entre as quais, um inusitado valor verbal em «Você não passa de um safado» ou outras questões relacionadas com funções sintáticas. Por fim, lugar ainda para uma elucidação sobre a locução adverbial o «mais cedo possível».

* Pelas razões já anteriormente expostas, o Ciberdúvidas passou a assegurar as suas atualizações temáticas apenas uma vez por semana – agora à terça-feira. Entretanto, sempre que a atualidade ou a relevância informativa o justificar, não deixaremos de o assinalar nos Destaques que vão sendo renovados neste período.

2. O Ciberdúvidas fará uma interrupção, coincidindo com a pausa letiva da Páscoa em Portugal, e regressa com as suas atualizações regulares a 10 de abril. Desejamos a todos os amigos uma boa Páscoa**. 

** Sobre a época pascal, vale a pena uma revisitação a algumas das expressões e termos com ela relacionados, disponíveis no arquivo do Ciberdúvidas. Por exemplo, a etimologia e o significado de Páscoa, sobre a frase «Desejo-vos a ti e à tua família feliz Páscoa», ou a dúvida  pascal ou pascoal? Ou, ainda, sobre a origem e etimologia de Quaresma e Pascoela. Curiosidade final: A história do ovo da Páscoa [in semanário “Expresso”, de 27/03/2016] + Afinal, o que têm os coelhos a ver com a Páscoa? [in "Observador", 16/04/2017]].