Os antónimos primeiro e último - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Os antónimos primeiro e último

Embora tenha consultado as vossas respostas e as gramáticas de que disponho, continuo, assim como os meus colegas, a ter dúvidas no que diz respeito à classificação de último - se primeiro é um adjetivo numeral, por que razão último, que tem o mesmo comportamento "frásico", é, segundo respostas vossas e as gramáticas, um adjetivo qualificativo?!! Não tem o mesmo comportamento dos adjetivos dessa subclasse?! Na expressão «o último a chegar...», o antónimo é «o primeiro a chegar», logo, e segundo o que aprendi, tem de pertencer à mesma classe gramatical! Por favor, esclareçam - nos!

Muito obrigada.

Maria Luísa Cordeiro Professora Chaves, Portugal 780

    Na gramática tradicional, os adjetivos numerais designavam-se numerais ordinais

    São muitas vezes usados de forma abreviada, com vista a uma maior funcionalidade da escrita, uma vez que sua representação por extenso é complexa e pouco prática. Usa-se assim a abreviatura do número, seguida de ponto, que indica que houve eliminação de letras, seguida da terminação [º] ou [ª], que indica se o numeral é masculino ou feminino: 1.º, 1.ª, 34.º, 34.ª, …

   Na nomenclatura atual, designam-se por adjetivos numerais e «indicam a ordem ou a sucessão do que é referido pelo nome. Surgem geralmente em posição pré-nominal e podem ser precedidos de determinantes. 

      Ex. O quarto andar tem uma vista magnífica.

      Esse sexto volume tem 345 páginas.» (cf. Gramática de Português, de Maria Regina Rocha, Porto Editora)  

      Assim, se fizermos a lista dos adjetivos numerais, ela será infinita, e último não será o que veremos no fim dessa lista, pois não pertence a esta classificação.

     Último é um adjetivo qualificativo, que indica que não haverá outro posteriormente = derradeiro. Segundo o Dicionário Houaiss, «que se situa ou vem depois de todos os demais numa sequência; o que está ou vem no final: o último lugar na classificação

     Mas pode ser também um substantivo, «aquele ou aquilo que vem ou se situa depois de todos os demais: o último da fila; o último numa classificação».

     Por outro lado, primeiro também pertence a várias classes de palavras: adjetivo numeral «que ocupa numa sequência a posição do número um: primeira porta», adjetivo qualificativo «que precede outros em tempo, lugar ou importância: primeiro homem a pisar Lua», advérbio «antes de qualquer outro no espaço, tempo ou importância: ele primeiro foi à farmácia, depois, ao talho» e substantivo «o que ocupa o primeiro lugar no tempo e no espaço: ele é o primeiro na lista de espera.» E acrescenta sobre o substantivo: «gramática: construções como primeiro a chegar, a partir, a comer, etc foram consid. gal. pelos puristas que sugeriram no seu lugar primeiro em chegar, em partir, em comer, etc»

     No exemplo que dá: «Na expressão ‘o último a chegar...’ o antónimo é ‘o primeiro a chegar’», tanto primeiro como último são substantivos, daí serem antónimos.

Maria Eugénia Alves
Tema: Classes de palavras Classe de Palavras: adjectivo
Áreas Linguísticas: Gramática