Os anglicismos check-in e check-out em português - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Os anglicismos check-in e check-out em português

No contexto hoteleiro, os anglicismos «check-in» e «check-out» podem ser substituídos, respectivamente, por «verificação de entrada» e «verificação de saída»?

Renato Souza Rio de Janeiro, Brasil 1K

O termo check-in – «verificação do bilhete e pesagem da bagagem à partida para uma viagem de avião, registo de embarque; registo de dados pessoais e outras formalidade à chegada a um hotel, registo de entrada» (Dicionário da Porto Editora) – é recorrentemente substituído por «dar entrada» ou «registo de entrada». Menos recorrente é a tradução do termo check-out – «pagamento da despesa e de outras formalidades à saída de um hotel, registo de saída; serviço de processamento de compras» (Dicionário da Porto Editora), no entanto, quando é traduzido, utilizam-se expressões como «registo de saída», «dar saída» ou «fazer a saída».1 Note-se, no entanto, que há preferência pelo uso dos anglicismos. 

1 Para o espanhol, a Fundéu BBVA, recomenda registro ou llegada para check-in, e salida, para check-out. Trata-se de soluções que não se afastam das portuguesas que foram mencionadas, mas que podem ser adaptadas, respetivamente, como registo ou chegada e saída.

Cf. 8 palavras  que os ingleses nos roubaram

Sara Mourato
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: substantivo
Áreas Linguísticas: Léxico; Semântica Campos Linguísticos: Estrangeirismos