Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O ponto final dentro das aspas

No caso de eu estar transcrevendo um trecho de texto entre aspas e o trecho originalmente ter um ponto final, mas também ocorrer de ser final do meu período, eu coloco o ponto final antes das aspas, depois, ou dois pontos finais? 

Ex.: «[...] da mesma forma que foi dito.», «[...] da mesma forma que foi dito». ou «[...] da mesma forma que foi dito.»?

Henrique Gozzer Engenheiro Civil Vitória-ES, Brasil 1K

Se o sinal de pontuação pertencer ao trecho transcrito, então as aspas surgem depois desse sinal. Assim sendo, não é necessário duplicar o sinal de pontuação.

Veja-se o exemplo dado: «[...] da mesma forma que foi dito.» 

O mesmo acontece para todos os sinais de pontuação. 

 

N.E. – Sobre esta resposta, recebemos e agradecemos a seguinte achega do consulente Fernando Bueno:

 «1 - As aspas englobam citação isolada. Neste caso, usa-se a pontuação própria da frase, e fecham-se as aspas: "De que vale ao homem ganhar o mundo inteiro se vem a perder sua alma." "Vim, vi e venci!" 2 - As aspas englobam parte do período. Nesse caso, grafa-se sempre a pontuação do período (pois não cabe às aspas encerrar um período) posteriormente às aspas finais, mantendo-se a pontuação da citação, exceto quando coincidem dois pontos finais. Ex.: Quem disse: "De que vale ao homem ganhar o mundo inteiro se vem a perder sua alma."? Jesus disse: "De que vale ao homem ganhar o mundo inteiro se vem a perder sua alma". O velho, então, exclamou: "Adeus, minha pátria, aqui não voltarei!".»

Sara Mourato
Áreas Linguísticas: Discurso/Texto Campos Linguísticos: Pontuação