Da Boca para Fora - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Da Boca para Fora
Origem e histórias lexicais do quotidiano dos portugueses
Andreia Vale
Manuscrito, 2019 1K   

A autora de Puxar a Brasa à nossa Sardinha e de  Cruz Credo, Bate na Madeira..., lançou uma nova obra – Da Boca para Fora (editora Manuscrito). E, à semelhança dos dois livros anteriores, a jornalista Andreia Vale centra-se nas palavras e expressões divertidas que se popularizaram na linguagem informal em Portugal, o que confirma o seu gosto por palavras, o seu gosto em «descobrir novas palavras e significados» e de «descobrir as suas histórias e origens» (na Introdução, pág. 9)

Neste caso, são dez os capítulos temáticos, o primeiro dos quais abordando as palavras da preferência particular da autora – «Palavras que eu gosto (porque sim!)»–, por exemplo, saudade, pindéricas ou fornicoques. Seguem-se as  «Palavras que deixam água na boca» (sardinha, bica ou boa como o milho); as «Palavras do corpo humano e da roupa que vestimos» (borboto, hoodie ou biquíni); as «Palavras da natureza, onde não faltam animais» (cloaca, chibo ou fevereiro); as «Palavras das "coisas" e dos objectos do nosso dia a dia» (salário, salazar ou alheta); as «Palavras com bolinha vermelha» (expressões que remetem para um universo mais picante,); as «Palavras que já são nossas» (chamego, roscofe ou fixe); as «Expressões falsas» (sexo fraco, o frio é psicológico ou gordura é formosura); as «Palavras "eu já vi este filme" e "isso era daqueles anúncios"» (emplastro, nobody puts body in the corner, sorrir e acenar);  e, finalmente, «Palavras (very) tipicamente portuguesas», (desbundar, salazarento ou velho do Restelo). 

Elemento importante para o leitor são as permanentes atribuições bibliográficas, ao longo da obra e, depois, no fim, uma pormenorizada webgrafia,  organizada de acordo com os exemplo dados. 

Um livro útil e agradável, que transforma a leitura – e o conhecimento do que não se saiba destas curiosidades da nossa língua – num momento prazeroso e divertido.

 

Sara Mourato