O verbo recorrer e os seus complementos - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O verbo recorrer e os seus complementos

O verbo recorrer, quando transitivo indireto, rege um complemento indireto ou um complemento oblíquo?

Grata pela atenção.

Patrícia Pereira Explicadora Gafanha da Nazaré, Portugal 42

    O verbo recorrer, quando utilizado como transitivo indireto, tanto pode selecionar um complemento indireto como um complemento oblíquo, dependendo do sentido na frase ou no contexto. 

    Como «socorrer-se» ou «apelar», seleciona complemento indireto:

  • «Nos momentos maus, recorro sempre à família.»*
  • «Acharam que não valia a pena recorrer aos tribunais.»*

    No sentido de «interpor recurso», rege complemento oblíquo:

  • «O réu recorrerá da sentença.»*

 

*CasteleiroJoão Malaca (dir.)Dicionário Gramatical de Verbos Portugueses, Lisboa: Texto Editores, 2007

Aura Figueira
Tema: DT (Dicionário Terminológico) Classe de Palavras: verbo
Áreas Linguísticas: Sintaxe Campos Linguísticos: Aspecto (verbos); Regência