O regionalismo esgalfo (região de Aveiro) - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
O regionalismo esgalfo (região de Aveiro)

Ouvia, por vezes, o meu avô Alcino dizer que estava "esgalfo". Pensei sempre que quisesse dizer que estava esfomeado.

A verdade é que agora não encontro o significado da palavra "esgalfo", como se não existisse...

Será que de facto não existe e eu ouvia-a sendo outra a palavra proferida pelo meu avô? Será que me podem esclarecer?

Bem hajam.

Mário-Miguel Couto Engenheiro civil Ílhavo, Portugal 42

Regista-se esgalfado, com o sentido de «faminto», na região de Mogadouro (ver A. M. Pires Cabral, Língua Charra. Regionalismos de Trás-os-Montes e Alto Douro, 2013). Pode, portanto, supor-se que esgalfo se relacione com o regionalismo transmontano, até porque é seu sinónimo.

Quanto ao uso da palavra esgalfo, exatamente com esta forma, não foi possível achar registo nas fontes impressas disponíveis, mas encontram-se ocorrências em páginas da Internet, por exemplo, em blogues que aludem precisamente à região de Aveiro:

(1) «Era tal o movimento de pessoas e animais, e incertos os horários, que desde logo se percebeu da necessidade de abrir balcão, ali no final da estrada, nas imediações da mota da barca da passagem, para dessedentar os viandantes e lhes aconchegar os estômagos mais esgalfos com um caldo de conduto, ou com um escabeche, em reparo urgente.» ("200 anos da Costa-Nova", 11/05/2008)

Também se encontra esgalfo, ainda que não exatamente com o mesmo significado, em páginas relacionadas com outros pontos da geografia da língua portuguesa:

(2) «Esgalfo – ESGALFO (adj.) – guloso; insaciável (Não há de comer que chegue para esse menino esgalfo).» (Dicionário Tocantinense, 2002)

Carlos Rocha
Tema: Variedades linguísticas Classe de Palavras: adjectivo
Áreas Linguísticas: Léxico; Morfologia Campos Linguísticos: Atestação/Significado de palavras