O hífen em compostos depois do Acordo Ortográfico - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O hífen em compostos
depois do Acordo Ortográfico

Diz o Vocabulário Ortográfico do Português – Critérios de aplicação das normas ortográficas ao Vocabulário Ortográfico do Português: «Mantém-se o hífen nas seguintes situações…: quando o prefixo ou radical termina com a mesma letra (vogal ou consoante) com que se inicia a palavra a que se junta…» Diz o Acordo Ortográfico, Base XVI – 1: «só se emprega o hífen nos seguintes casos: (…) b) Nas formações em que o prefixo ou pseudoprefixo termina na mesma vogal com que se inicia o segundo elemento…»

Assim, a regra aplica-se quando são iguais (terminação do prefixo e início da 2.ª palavra) as vogais, ou as letras (vogal ou consoante)?

Isabel Matreno PB Benavente, Portugal 5K

O novo AO não refere explicitamente que, como para vogais iguais, seja obrigatório o hífen quando as consoantes são iguais na união dos elementos de um composto. Contudo, essa separação por hífen é tradicional: circum-murado, hiper-resistente, sub-bibliotecário, super-requintado (termos todos registados no VOLP para o novo AO da Academia Brasileira de Letras).

Ao seu dispor.

D´Silvas Filho
Tema: Acordo Ortográfico Classe de Palavras: substantivo