Adjuntos nominais coordenados - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Adjuntos nominais coordenados

Minha dúvida é a respeito da concordância nominal com sujeitos ligados por ou. As gramáticas explicam, mas somente quando se trata de concordância verbal. É correto dizer: «A classificação de propriedades industrial ou comercial», «O sistema circulatório ou o digestivo», «O sistema de educação ou de substituição» ou, ainda, «Os sistemas de educação ou substituição»? Como podem ver, utilizo as mesmas regras com sujeitos ligados por e (como as gramáticas não explicam, penso que, talvez, as regras são as mesmas). Vejo frases escritas de outras maneiras, por exemplo «A classificação de propriedade industrial ou comercial», que não interferem na compreensão, por isso penso que, talvez, as duas formas sejam possíveis (porém, uma pode ser mais formal, só não sei qual).

Desde já agradeço.

Patrícia Penha Estagiária Rio de Janeiro, Brasil 6K

O que a consulente pretende saber são os critérios de concordância entre adjectivos coordenados e um substantivo no plural que seja modificado por eles (p. ex., «os casacos branco e preto» = «o casaco branco e o casaco preto»). Na verdade, o preceito que conheço limita-se a adjectivos coordenados pela conjunção copulativa e, encontrando-se formulado por Evanildo Bechara, na sua Moderna Gramática Portuguesa (Rio de Janeiro, Editora Lucerna, 2002, pág. 546):

«A palavra determinada irá para o plural ou ficará no singular, sendo, neste último caso, facultativa a repetição do artigo. Em geral, isto ocorre com adjetivos de nacionalidade: As literaturas brasileira e portuguesa ou A literatura brasileira ou portuguesa (maneira de dizer menos frequente e, com exagero de lógica gramatical, considerada errônea por muitos autores) ou A literatura brasileira e a portuguesa.

"e os cronistas tudense e toledano fazem a luta dos dous reis depois daquele consórcio" [AH.6, III, 86}

"Li um anúncio, convidando mestra de línguas inglesa e francesa para o colégio" [CBr.1, 128]

"O pequeno reino sucessivamente perlustrou as costas ocidental e oriental da África..." [C. de Laet., I, 211]

as séries quarta e quinta

a quarta e quinta série (ou séries

Transpondo este preceito para uma estrutura de coordenação assente na conjunção disjuntiva ou, direi que ocorrências deste tipo de estrutura são marginais, parecendo apenas de admitir uma interpretação inclusiva, muito próxima da da conjunção copulativa e:1

1) «As blusas verde ou amarela são feias.»

O ou inclusivo é possível em 1) se esta frase for equivalente a «a blusa que é verde ou a (blusa) que é amarela são feias», no sentido de «quer a blusa que é verde quer a que é amarela são feias».2 

Quanto às expressões em causa:

1. «A classificação de propriedades industrial ou comercial» 

A expressão é possível (cf. «Li um anúncio, convidando mestra de línguas inglesa e francesa para o colégio», acima). No entanto, intuitivamente, parece-me preferível que propriedades tenha associado os artigo definido: «a classificação das propriedades industrial ou comercial», tal como é possível, com a coniunção e, «a classificação das propriedades industrial e comercial».

2. «A classificação de propriedade industrial ou comercial»

A expressão está correcta: existe uma propriedade que pode apresentar duas características em alternativa, industrial e comercial.

3. «O sistema circulatório ou o digestivo»

A expressão está correcta, mas não apresenta a estrutura em discussão; o que apresenta são duas expressões nominais, uma que tem por núcleo sistema e outra cujo núcleo é o pronome demonstrativo a.

4. «O sistema de educação ou de substituição»

Este caso também não tem que ver com o desta discussão. Trata-se apenas de um substantivo no singular sobre cuja referência se constroem em alternativa duas propriedades marcadas por uma construção preposicional com valor adjectival: «de educação» = «educativo»; «de substituição» = «substitutivo).

5. «Os sistemas de educação ou substituição»

A expressão está correcta. As construções «de educação» e «(de) substituição» têm valor adjectival como atrás se disse. No entanto, são ambíguas porque permitem duas leituras:

a) os sistemas educativos ou substitutivos = os sistemas educativos e os sistemas substitutivos

b) os sistemas educativo ou substitutivo = o sistema educativo ou o sistema substitutivo (p.ex., «é preciso alterar os sistemas educativo ou substitutivo»).

1 Há dois tipos de disjunção, marcados por: a) ou inclusivo: «Aos domingos, canto ou danço»; b) ou exclusivo: «Ficas ou sais?» (ver Textos Relacionados).

A leitura de ou como marcador de disjunção exclusiva está vedada: uma vez que os termos em alternativa se excluem mutuamente («a blusa verde» vs. «a blusa amarela»), a disjunção não permite pluralizar a expressão nominal que é modificada: *«tens de escolher as blusas verde ou amarela»; OK «tens de escolher ou a blusa verde ou a blusa amarela». Além disso, um plural modificado por uma estrutura disjuntiva exclusiva não pode ser sujeito: *«as blusas verde ou amarela são feias».

Carlos Rocha
Tema: Uso e norma