A expressão «fazer uma tempestade num copo de água» - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
A expressão «fazer uma tempestade num copo de água»

Gostaria que me confirmassem se a expressão «fazer uma tempestade num copo de água» é uma expressão idiomática. Podendo ser considerada uma figura de estilo, de que figura se trata?

Os meus agradecimentos.

Clara Pereira Funcionária pública Lisboa, Portugal 7K

É realmente uma expressão idiomática que significa «ter uma preocupação/reacção exagerada». Quer «tempestade» quer «copo de água» são tomados metaforicamente. A tempestade corresponde a uma perturbação atmosférica que ocorre nas regiões marítimas e costeiras com chuvas, trovoadas, ciclones etc. —  remete para realidades de grandes dimensões que podem pôr a vida humana em perigo. O copo de água apenas pode conter uma pequena quantidade de água ou de outro líquido — alude às coisas triviais.

«Fazer uma tempestade num copo de água» é um dito popular muito gracioso porque contém uma figura de pensamento denominada antítese, que aproxima ideias contrárias para as realçar. Nesta frase, figurativamente, um grande e intenso fenómeno meteorológico ocorre num pequeno recipiente de água, apresentando, portanto, um contraste muito evidente. Como se trata de uma impossibilidade física, mostra-se que há reacções ou preocupações que são desproporcionadas em relação à pouca relevância dos seus motivos.

A. Tavares Louro/Carlos Rocha
Tema: Provérbios Classe de Palavras: substantivo
Áreas Linguísticas: Discurso/Texto; Semântica