Torá e toraico, Alcorão e alcorânico - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Torá e toraico, Alcorão e alcorânico

Quando me refiro à Bíblia, digo que é algo bíblico, leis bíblicas, etc. E quando me refiro ao Torah/Torá? Digo que é algo "toraico"? Leis "toraicas"? E ao Alcorão?

Desde já agradeço pela atenção.

William de Assis Revisor de Textos São Paulo, Brasil 716

De Torá1, pode-se criar corretamente o termo "toraico", muito embora este ainda não se encontre dicionarizado. Mas é palavra legítima, tendo em conta que, de Mixná, outro termo referente ao judaísmo, se deriva mixnaico, que tem registo lexicográfico (cf. Dicionário Houaiss e Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa da Academia das Ciências de Lisboa).

Quanto a Alcorão, o adjetivo correspondente é alcorânico. Embora não se aconselhe a forma Corão, nota-se que corânico é o adjetivo relacional geralmente usado; é o que sucede, por exemplo, no Corpus do Português (de Mark Davies), que, aliás, não faculta nenhum resultado para alcorânico. Esta seria, sem dúvida, a forma correta e recomendável, até porque deriva do nome tradicional português; contudo, parece atualmente difícil combater a força do uso para pretender que uma «escola corânica» passe a ser, como deve, uma «escola alcorânica».

1 O nome próprio Torá identifica as escrituras religiosas judaicas, incluindo os livros que no contexto cristão são conhecidos como Pentateuco (Génesis, Êxodo, Levítico, Números e Deuteronómio). Em português, também se registam e aceitam Tora e Toura (cf. F. Rebelo Gonçalves, Vocabulário da Língua Portuguesa, 1966). Apesar de ocorrer com certa frequência em alusão ao judaísmo, não se recomenda a forma Torah, dada a sua configuração estrangeira.

Carlos Rocha
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: adjectivo