Os Lusíadas: maiúsculas ou minúsculas (novo AO)? - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Os Lusíadas: maiúsculas ou minúsculas (novo AO)?

Com o presente Acordo Ortográfico, a palavra Lusíadas, poema épico, pode ser grafada com maiúscula e minúscula? Se for um nome próprio, tem de ser grafada obrigatoriamente com maiúscula. Podemos considerar a palavra lusíadas um nome próprio?

Amandio Fernandes Professor Seia, Portugal 5K

Os bibliónimos no novo AO obedecem ao c do 1.º da Base XIX. «Podem ser escritos» com inicial minúscula os elementos contidos nos títulos, exceto o primeiro e os nomes próprios. Assim, em Os Lusíadas:

Os ― primeiro elemento: inicial maiúscula.

Lusíadas ― nome comum, cuja maiúscula ou minúscula é opcional, à luz das novas regras.

Portanto: Os Lusíadas ou Os lusíadas. Tal como: O Crime do Padre Amaro ou O crime do padre Amaro, A Cidade e as Serras ou A cidade e as serras, Dona Flor e Seus Dois Maridos ou Dona Flor e seus dois maridos, Terra Sonâmbula ou Terra sonâmbula, A Divina Comédia ou A divina comédia, etc., etc.

A opcionalidade desta nova regra para o uso de maiúsculas ou minúsculas iniciais nos títulos e subtítulos de livros, de publicações periódicas e de produções artísticas não deve ser seguida indiferentemente, mas, antes, com um critério uniforme. Por exemplo, aqui, no Ciberdúvidas, seguimos a forma tradicional, como estipulava o Acordo de 1945.

Logo: Os Lusíadas, O Crime do Padre Amaro, A Cidade e as Serras, Dona Flor e Seus Dois Maridos, Terra Sonâmbula, A Divina Comédia, etc., etc.

Ao seu dispor.

D’Silvas Filho/José Mário Costa
Tema: Acordo Ortográfico Classe de Palavras: substantivo