O uso do hífen com o elemento prefixal não- - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O uso do hífen com o elemento prefixal não-

Na frase «Entre o Mato e a Roça é um nome que alude a um não lugar» não será mais correto ligar o não e o lugar com hífen?

Fernando Marques Técnico de Museografia Vila Franca De Xira, Portugal 42

O uso de não- como elemento prefixal seguido de hífen é bastante usual e tem sido objeto de vários estudos.

Os  dicionários e vocabulários de antes e depois do  Acordo Ortográfico de 1990 ostentam as entradas constituídas pelo elemento não- (como prefixo) seguido de substantivos, adjetivos. Por exemplo: não-afixal, não-agressão, não-alinhamento, não-apoiado, não-beligerante, não-combatente, não-conformismo, não-contável, não-cooperação, não-cumprimento, não-dador, não-discriminação, não-eu, não-existente, não-ficção, não-filho, não-fumador, não-intervenção, etc., etc*. 

As Bases XV e XVI, que estipulam as novas regras para o uso do hífen, no âmbito do  AO90, não incluem o caso do elemento não- e, daí, a sua omissão, também, no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP)  e no Vocabulário Ortográfico do Português (VOP)

* in Grande Dicionário da  Língua Portuguesa, da Porto Editora,  Dicionário Priberam da Língua Portuguesa e dicionários AurélioHouaiss 

 
Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: advérbio