O uso de porquê como substantivo - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
O uso de porquê como substantivo

Considero-me razoavelmente puritano na escrita de português e algumas situações ficam-me na memória. Relembro uma aula de Português em que o meu Professor insistia no uso de substantivos como «motivo» ou «razão» em vez de «porquê». Um exemplo: «Quero saber o porquê de estares chateado» deveria-se escrever (e dizer) «Quero saber a razão/o motivo de estares chateado».

Esta premissa do «não uso» da palavra «porquê» como substantivo entrou-me na cabeça e, na maioria das vezes que vejo alguém escrever ou ouço alguém dizer «o porquê», faço questão de referir o supracitado. Usar «o porquê» é menos correto? Mais feio?

Obrigado!

Afonso Marques Estudante de Engenharia Física Coimbra, Portugal 42

Porquê, enquanto substantivo masculino, é sinónimo de motivo ou razão, pelo que dizer «Quero saber o porquê de estares chateado» «Quero saber o motivo de estares chateado» ou «Quero saber a razão de estares chateado» tem o mesmo significado. No entanto, neste caso podemos ter em consideração a questão estilística, o uso de «o porquê» em substituição de «o motivo» ou «a razão» pode dar a ideia de um discurso menos elegante. Também de salientar que o uso de «o porquê» é mais frequente no português do Brasil, como atesta o Corpus do Português de Mike Davies. 

Relembre-se que porquê se pluraliza como porquês. 

 

Obs.: Porquê também é um advérbio interrogativo que significa «por que razão» e, neste caso, não tem plural.

Sara Mourato
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: substantivo
Áreas Linguísticas: Léxico; Semântica; Sintaxe Campos Linguísticos: Atestação/Significado de palavras