O adjetivo destitutivo - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O adjetivo destitutivo

Nenhum dicionário regista o termo “destitutivo”. Será um erro, um neologismo ou uma falha dos dicionários? 

Muito obrigado.

João Nogueira da Costa Almada, Portugal 1K

Destitutivo não aparece ainda dicionarizado, embora esteja a ser frequentemente usado quer oralmente, quer na escrita, sobretudo na imprensa, por exemplo, aqui ou aqui, pelo que se considera um neologismo.

O adjetivo, que significa com poder de destituir algo ou alguém, encontra-se bem formado, pois existe uma família de palavras que o consolida: destituir, destituído, destituição

Não se trata de uma falha dos dicionários¹: a entrada far-se-á em breve, pois o uso durante um certo período de tempo assim o determina – tal como já aconteceu, entre outros, com os adjetivos constitutivo («que tem poder de constituir),  destrutivo («que destrói») ou restitutivo («que é passível de restituição, de devolução».

 

¹ Quando é detetado um novo termo, os lexicógrafos encarregam-se da sua catalogação, bem como do seu significado e do contexto em que é proferido. Quanto maior for o número de vezes usado, mais probabilidades tem de ser dicionarizado. Este período de uso antes da entrada no dicionário é indeterminado, mas comporta, geralmente, vários anos.

Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Classe de Palavras: adjectivo
Áreas Linguísticas: Léxico