Dúvidas sobre a conjunção ou e seu valor semântico e linguístico - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Dúvidas sobre a conjunção ou e seu valor semântico e linguístico

Estou fazendo um trabalho de faculdade e tenho dúvidas sobre a conjunção ou e seu valor semântico e linguístico:

O caso é o seguinte: não consigo identificar quando a sua disjunção é exclusiva, inclusiva ou argumentativa. Sempre aprendi só pela visão gramatical como coordenativa alternativa, mas não é isso que minha professora quer... Vou mandar o trecho que tenho de analisar, se vocês puderem me ajudar, agradeço (é onde aparece a conjunção ou)

«(...) Muitos candidatos, novatos ou veteranos na política, são réus em processos criminais ou em ações civis públicas que se prolongam por anos. Se o povo é indiferente à existência de processos contra o candidato, que escolhe por simpatia ou amizade, sendo de somenos a acusação de seu envolvimento em corrupção, poder-se-iam simplesmente proibir candidaturas de condenados em primeira instância? Caberia, a partir desta condenação, qualificar o candidato como “ ficha-suja”?»

Renata Cristina Estudante São José dos Campos, Brasil 4K

«Ou sais ou entras»: ou exclusivo — realizada uma acção, já não se realiza a outra.

«Muitos candidatos, novatos ou veteranos (...)»: ou inclusivo — substituível pela conjunção e; substituível pela expressão conjuncional e/ou.

De outra maneira:

Disjunção inclusiva

«O Zé conta histórias ou recita poemas.»

(p) O Zé conta histórias.

(q) O Zé recita poemas.

 

Se p for falso e se q for falso, p ou q é falso.
Se p for falso e q for verdadeiro, p ou q é verdadeiro.
Se p for verdadeiro e q for falso, p ou q é verdadeiro.
Se p for verdadeiro e q for verdadeiro, p ou q é verdadeiro.

Disjunção exclusiva:

«O Zé é do Sporting ou do Benfica.»

(p) o Zé é do Sporting

(q) o Zé do Benfica

 

Se p for falso e se q for falso, p ou q é falso.
Se p for falso e se q for verdadeiro, p ou q é verdadeiro.
Se p for verdadeiro e se q for falso, p ou q é verdadeiro.
Se p for verdadeiro e se q for verdadeiro, p ou q é falso.

A classificação argumentativo aplica-se a um texto ou sequência discursiva. Podemos, no entanto, dizer que ou pode ter um valor argumentativo, em enunciados como:

«Estas acções são obra daqueles deputados ou de outros impostores.»

Ana Martins
Classe de Palavras: conjunção
Áreas Linguísticas: Discurso/Texto; Semântica