Sandra Duarte Tavares - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Sandra Duarte Tavares
Sandra Duarte Tavares
30K

É mestre em Linguística Portuguesa pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. É professora no Instituto Superior de Comunicação Empresarial. É formadora do Centro de Formação da RTP e colaboradora de duas rubricas de Língua Portuguesa: Agora, o Português (RTP 1) e Jogo da Língua (Antena 1). É autora dos livros Falar bem, Escrever melhor e 500 Erros mais Comuns da Língua Portuguesa e coautora dos livros Gramática Descomplicada, Pares Difíceis da Língua Portuguesa, Pontapés na Gramática, Assim é que é Falar!SOS da Língua PortuguesaQuem Tem Medo da Língua Portuguesa? Mais Pares Difíceis da Língua Portuguesa e de um manual escolar de Português: Ás das Letras 5. Mais informação aqui.

 
Textos publicados pela autora
Comunicar com sucesso
Dicas úteis para uma comunicação clara, empática e emocionalmente inteligente
Por Sandra Duarte Tavares

Sandra Duarte Tavares, professora universitária e consultora linguística e de comunicação, oferece-nos mais um livro sobre o bom uso da língua portuguesa1, desta vez tendo como foco a comunicação entre pares, que deve ser clara, correta e eficiente. 

É sabido que a comunicação eficaz depende, em grande medida, do conhecimento que temos do nosso interlocutor. No entanto, esta eficácia também se deve ao cuidado que temos com o nosso discurso, ou seja, às competências comunicativas no âmbito oral e escrito. É nesta linha que surge esta obra – Comunicar com sucesso, com a chancela da editora Oficina do Livro  Nela, a autora, para melhor ensinar a arte de bem comunicar através da língua, foca-se nas mais importantes competências da comunicação: o rigor, a clareza, a empatia, a assertividade, o impacto e a eficácia – neste caso, a eficácia da comunicação escrita.

Dividida em sete capítulos, a obra dá-nos dicas para comunicar com assertividade e com vista aos objetivos pretendidos. Apresenta também erros linguísticos frequentes e evitáveis. Por exemplo, pronunciar «ac[ó]rdos» quando o correto será «ac[ô]rdos», ou a tão famosa «[rú]brica» que deverá ser «rubrica», assim como a flexão errada (e comum) dos verbos: «tu fostes» em vez do correto «tu foste», ou «tinha impresso» em vez da forma correta «tinha imprimido». Apresenta-nos, também, técnicas e ferramentas para aperfeiçoar as competências linguísticas, sugerindo assim que sejamos breves e que comuniquemos com im...

10 pares difíceis da língua portuguesa
Palavras que se confundem com frequência

Adesão e aderência, apetência e aptidão, confrangedor constrangedor, descriminardiscriminar, eminente e iminente, mandado e mandato, o moral e a moral, onde e aonde, ringue e rinque, renitente e reticente. Como escreve a autora, nesta crónica* publicada na edição digital da revista Visão do dia 10 de março de 2019, quem já não teve dúvidas com estas palavras, muitas delas parónimas?

 

*CfPares Difíceis da Língua Portuguesa  + Mais Pares Difíceis da Língua Portuguesa 

 

O poder das histórias na comunicação
Narração e envolvimento emocional

«Especialistas em marketing perceberam bem cedo o poder das histórias no sucesso das vendas. Perceberam que podem vender um produto ou serviço sem sequer falar do mesmo. Como? Contando histórias.» Texto da autoria da professora e consultora linguística Sandra Duarte Tavares, que o leu na emissão de 3/02/2019 do programa de rádio Páginas de Português, na rubrica "Cronigramas".

As palavras e as emoções
O vocabulário da harmonia na comunicação

A harmonia em casa ou no trabalho pode e deve encontrar-se na capacidade de comunicar palavras de sentido positivo, com intenção construtiva. É a recomendação da professora e consultora linguística Sandra Duarte Tavares no texto a seguir transcrito, originalmente publicado na edição digital da revista Visão, em 22/01/2019.

É Natal, é Natal, mas a língua leva a mal
Cinco erros recorrentes em tempo natalício

Pais Natal, filhoses, bolos-rei, perúglicémia: cinco exemplos de erros de português muito comuns nesta época do ano – apontados pela professora Sandra Duarte Tavares, em artigo transcrito da edição digital da revista Visão do dia 12 de dezembro de 2018.