Sampetersburgo, e não "São Petersburgo" - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Sampetersburgo, e não "São Petersburgo"

É lícito criar o topónimo "Burgo de São Pedro" para denominar a cidade russa "Sankt-Peterburg" ?

P.S.: Reconheço haver a forma "São Petersburg".

Renato Souza Rio de Janeiro, Brasil 566

A forma portuguesa que se propõe na pergunta poderá ser uma tradução literal do nome – embora burgo, como palavra autónoma, não tenha exatamente o mesmo sentido de -burg1) –, mas não se usa nem tem registo nem dicionarístico nem enciclopédico. A forma do nome da cidade russa que se recomenda em português é Sampetersburgo (cf. Rebelo Gonçalves, Vocabulário da Língua Portuguesa, 1966),  Também existe «São Petersburgo», forma que não se aconselha.

1 Como vocábulo independente, burgo pode significar «pequena cidade, vila». No entanto, como forma presa (dependente) tem sido muito produtiva nas formas portuguesas de cidades e regiões estrangeiras como Estrasburgo (Strasbourg, em francês, e Straßburg, em alemão), Edimburgo (Edinburgh, em inglês) e Meclemburgo (Mecklemburg, em alemão).

Carlos Rocha
Tema: Topónimos Classe de Palavras: nome próprio