Presuntaria - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Presuntaria

Gostaria de saber se pode ser usado o termo "presunteria" ou "presuntaria" para definir produtos da classe de presuntos, tal como existe o termo charcutaria para outros do género. Este conceito linguístico existe? Pode ser utilizado?

Aguardo as vossas recomendações, que muito agradeço, desde já.

Ana Salgueiro Consultoria de comunicação Lisboa, Portugal 81

Apesar de o termo não se encontrar atestado, a verdade é que o substantivo se encontra bem formado, ou seja, trata-se de um derivado do substantivo presunto por associação do sufixo -aria, que denota «atividade, ramo de negócio». À semelhança do queijo, que também se inclui no ramo da charcutaria e que tem um negócio próprio que se denomina queijaria, podemos assumir presuntaria como denominação do negócio especializado em presuntos.

Nota: Existe registo de substantivos em português do Brasil com o sufixo -eria, que alterna com -aria, como loteria (cf. Dicionário Houaiss). Nessa perspetiva, poderíamos formar "presunteria", mas a verdade é que, mesmo no Brasil, esta possibilidade não se usa e o que ocorre é sempre presuntaria, como evidencia, entre outros, o caso do nome comercial Presuntaria Sadia.

Sara Mourato
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: substantivo
Áreas Linguísticas: Ortografia/Pontuação Campos Linguísticos: Atestação/Significado de palavras