Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Orações relativas adjetivas restritivas coordenadas pela conjunção ou

Dado que não consigo obter uma informação aprofundada sobre orações subordinadas substantivas relativas, gostaria de um esclarecimento vosso. No caso concreto, saber se a primeira oração do excerto apresentado se classifica como tal, exercendo função sintática de sujeito: «Os que adotaram estas tecnologias mais cedo na vida, ou que as usam de forma mais constante, aprenderam com o tempo a permitir que grandes quantidades de informação fossem processadas antes de mudar o foco de atenção para outra coisa.». Já agora, gostaria também de uma opinião acerca da segunda oração «ou que as usam de forma mais constante». Obrigada!

Graça Cancelas Professora Viseu, Portugal 745

Os que adotaram estas tecnologias mais cedo na vida ou que as usam de forma mais constante aprenderam com o tempo a permitir […] 

O constituinte sublinhado cumpre a função de sujeito. O sujeito da frase integra um Sintagma Nominal (SN) realizado por um pronome demonstrativo «o» (Cf. Cunha, C.; Cintra, L., Nova Gramática do Português Contemporâneo, Ed. Sá da Costa, 1986, p. 340-341);

De acordo com Mateus, M. H. M. et al. Gramática da Língua Portuguesa, Caminho, 2003 p. 669, trata-se de um determinante não seguido de N, ocorrendo elipse nominal). Este SN é o antecedente das duas orações relativas adjetivas restritivas «que adotaram estas tecnologias mais cedo na vida» e «que as usam de forma mais constante», coordenadas pela conjunção «ou», que explicita o nexo de disjunção inclusiva entre esses dois termos coordenados.

Ana Martins
Tema: TLEBS Classe de Palavras: conjunção