Listenstaine, a forma aportuguesada recomendada de Liechtenstein - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Listenstaine, a forma aportuguesada recomendada de Liechtenstein

Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa «determina legalmente a ortografia da língua portuguesa», e é igualmente o «recurso oficial de referência para a escrita do português». Da mesma forma, o seu Vocabulário Toponímico tem também essas funções. A minha questão é se a grafia dos topónimos estrangeiros incluídos no referido Vocabulário Toponímico se torna assim obrigatória e exclusiva, não permitindo grafias alternativas, mesmo quando estas estão consagradas pelo uso. O caso mais atual é o termo Listenstaine, em contraposição com "Lichtenstein".

Henrique Carlos Professor e bibliotecário aposentado Gotemburgo, Suécia 237

1. Sim, o Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa (VOC) regula a ortografia da língua portuguesa. Foi feito com mandato dos Estados-membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa e cumpre o tratado do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, de 1990. Não tenho conhecimento da existência de sanções pelo seu não respeito, mas é documento regulador, sim.

2. Das duas formas portuguesas Listenstaine e Listenstaina, apenas a primeira se encontra em uso e apenas esta está consagrada no Código de Redação Interinstitucional da União Europeia, embora ambas sejam tecnicamente aceitáveis.

3. A forma "Lichtenstein" é uma adaptação apenas parcial da forma original, Liechtenstein, e não respeita as normas ortográficas do português.

Margarita Correia
Tema: Topónimos Classe de Palavras: nome próprio