Ainda o aportuguesamento de kiwi: quivi e quiuí - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Ainda o aportuguesamento de kiwi: quivi e quiuí

Já há uma resposta semelhante àquela que desejo, mas está incompleta e é muito pouco elucidativa. Bem, gostaria de saber como se pronuncia kiwi. Este w é pronunciado como v? Porque esta pronúncia me causa muita estranheza, assim como o aportuguesamento quivi, que a confirmaria. Ademais, para fins de esclarecimento, a sílaba tônica da palavra é a última, estou certo? Amiúde ouço "quí-ui", em vez de "quiu-í".

Agradeço previamente.

Luan Côrtes Estudante Feira de Santana, Brasil 9K

No Brasil, aceitam-se dois aportuguesamentos que reflectem duas maneiras de pronunciar a palavra: quivi e quiuí. Estas formas encontram-se registadas no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP) da Academia Brasileira de Letras. O Dicionário Houaiss, na sua edição de 2001, ao dar conta da etimologia da palavra, indica que a forma quiuí é mais usada:

ing. kiwi-kiwi, emprt. do maori; o fruto, batizado kiwifruit na Nova Zelândia por seu exterior peludo, integrou-se 1970 no francês com o nome de kiwi, tal como o pássaro que é tb. símbolo da Nova Zelândia, passando a ser assim conhecido no resto do mundo; no Brasil, houve flutuação inicial entre a pronúncia quivi e quiuí; esta última parece haver suplantado a primeira na década de 1990.

Em Portugal, o Vocabulário Ortográfico do Português (ILTEC) só acolhe a forma quivi, o mesmo acontecendo noutro vocabulário ortográfico, o VOLP da Porto Editora, e no dicionário da Academia das Ciências de Lisboa. No entanto, o Dicionário Priberam diverge destas obras de referência, apresentando duas formas, quivi e quiuí. A verdade é que estas grafias representam duas pronúncias frequentes na variedade europeia, podendo até o mesmo falante usar as duas. Sendo assim, embora no Ciberdúvidas já se tenha recomendado apenas a forma quivi, não me parece que quiuí traga prejuízo à norma, porque é aportuguesamento bem formado e, como se viu, bastante usado.

Carlos Rocha
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: substantivo
Áreas Linguísticas: Fonética; Léxico