A diferença entre cabide e cruzeta - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
A diferença entre cabide e cruzeta

A palavra cruzeta é um regionalismo? Qual a diferença entre cabide e cruzeta?

Ana Paula dos Santos Jorge Professora Lisboa, Portugal 15K

As palavras cabide e cruzeta só parcialmente podem ser consideradas sinónimas. Na realidade, segundo os dicionários consultados (Dicionário da Academia das Ciências, Ed. Verbo, e Dicionário Porto Editora), cruzeta é apresentada como um "subtipo" de cabide. Assim, a definição dada para cruzeta é a de «cabide móvel para pendurar roupa nos guarda-fatos».

Cabide, por seu lado, designa não só uma «estrutura, geralmente de forma triangular, feita de metal, plástico ou madeira, utilizada para pendurar roupa» (o mesmo que cruzeta) mas também «móvel em que se penduram chapéus, fatos, arreios, etc.» (semelhante a bengaleiro) e ainda, em geral, qualquer objecto, feito de diferentes materiais que se utiliza para pendurar casacos, chapéus, etc. que pode fazer parte de uma peça de mobiliário ou estar fixo a uma parede. Em resumo, cabide tem um significado bem mais geral, enquanto cruzeta tem uma significação mais restrita e especializada.

Quanto ao facto de cruzeta constituir um regionalismo, não existem indicações nos dicionários consultados que apontem para isso. No entanto, cruzeta parece ser uma palavra mais usada no Norte de Portugal, com o significado acima indicado, sendo no Sul tipicamente substituída pelo termo mais geral cabide.

Luís Filipe Cunha
Tema: Variedades linguísticas Classe de Palavras: substantivo
Áreas Linguísticas: Léxico; Semântica