Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
A moda do «desde logo»

«Desde logo» que nos últimos tempos vejo ter-se pegado um tique «desde luegado» em tudo o que é comunicação social, rádio, TV, jornais... «Desde logo» o «desde logo», que não me parece seja português mas osmose recente do castelhano idiomático «desde luego», é inserido a despropósito e sem qualquer função em contexto nas frases, quer escritas quer verbais, que no dia-a-dia «desde logo» me vou vendo obrigado a «desde logo» consumir.

A sua utilização desnecessária e intercalar na frase faz-me lembrar a utilização "prequiana" do portuguesíssimo , ou estarei enganado?

Desde logo que a par disto que desde logo vou ouvindo e lendo cada vez mais gente referindo-nos que comunica connosco «desde o Porto», ou «desde» Alguidares de Baixo, em vez de anunciar «no Porto», ou «em Alguidares de Baixo», ou «de Cebolais de Cima», o que me parece outro castelhanismo evidente (além de incoerente e feio). Mas muito agradeço que me digam de vossa justiça sobre estas duas questões, nestes tempos de iliteracia generalizada e poluição sistemática da língua e cultura portuguesas.

Muito obrigado.

Alexandre de Figueiredo Historiador Lisboa, Portugal 5K

A locução desde logo está atestada em português. Consulte-se, por exemplo, o Dicionário Houaiss:

«desde logo a partir desse momento, desde esse instante. Ex.: um fato desde logo chamou a atenção do pesquisador.»

O sentido desta locução é claramente diferente da expressão equivalente em castelhano desde luego, que tem os seguintes significados, segundo a Real Academia Española (RAE):

«desde luego 1. loc. adv. Ciertamente, indudablemente, sin duda alguna. 2. loc. adv. p. us. Inmediatamente, sin tardanza.»

O erro está, portanto, em usar desde logo na acepção de «indubitavelmente, sem dúvida nenhuma», que é exclusivo da locução castelhana.

Carlos Rocha
Tema: Uso e norma
Áreas Linguísticas: Léxico; Semântica