O ensino do português em Macau e em Moçambique - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O ensino do português em Macau e em Moçambique
Nos programas de rádio Língua de Todos e Páginas de Português
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 1K

♦ A língua portuguesa vai ganhando novas cores, novas palavras, novos sotaques, em todos os países onde é falada no Mundo. Em Moçambique há quem defenda que está já a nascer uma nova variedade, diferente da europeia ou da brasileira. No programa Língua de TodosRDP África, emitido na sexta-feira, dia 18 de maio, às 13h15*, com repetição no sábado, dia 20, Lourenço do Rosário, reitor da Universidade Politécnica de Maputo, fala sobre as transformações que a língua portuguesa está a sofrer em Moçambique quatro décadas após a independência, em que o ensino da língua portuguesa assume um fator fulcral para o desenvolvimento do país e consequentemente a formação de professores tem um papel central.

* Hora oficial de Portugal continental, ficando o programa Língua de Todos disponível posteriormente, aqui.

 

♦ Língua residual na Região Autónoma de Macau, integrada na Republica Popular da China, o português não deixa de ter uma presença história e representar uma simbólica e uma funcionalidade importante no território, para além de ser a par do chinês, língua oficial. Há uma literatura na língua de Camilo Pessanha, há jornais, há um crioulo que a dinâmica demográfica atual estará a fazer perigar, mas as preocupações com o ensino do idioma mantêm-se. Macau constitui-se como uma plataforma importante e o ensino da nossa língua no Império do Meio não tem deixado de aumentar. No programa Páginas de Português da Antena 2, do dia 20 de maio, às 12h30** – com repetição no sábado seguinte, dia 26, pelas 15h30** –, a professora do Instituto Politécnico de Macau, Maria de Lurdes Escaleira, fala sobre a imprescindível indissociabilidade entre língua e cultura no ensino de uma língua estrangeira e a sua experiência, enquanto formadora de professores chineses de português na cidade de Macau.

** Hora oficial de Portugal continental, ficando o programa, Páginas de Português disponível posteriormente, aqui.

 

 

Sobre o autor