Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Cuidado com a Língua!... no Panteão Nacional, em Lisboa
2.ª-feira, 9 de outubro, na RTP 1, depois das 21h00*
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 410

Qual a origem da expressão «obras de Santa Engrácia»? E qual a ligação da igreja que lhe deu o nome com o Panteão Nacional, em Lisboa – em foco neste último episódio da 9.ª série do magazine televisivo Cuidado com a Língua!*? E porquê, precisamente, o termo "panteão"? Outras curiosidades relacionadas com este monumento perpetuador da memória de personalidades marcantes em várias áreas da sociedade portuguesa: a diferença entre um "cenotáfio" e um "túmulo" ou o que têm em comum as palavras "lápide", "lapa", "lapidar" e "lápis" ou "ilustre" e "lustre". Ou, ainda, "falecer", "falecimento" e "faltar". Por último: porquê a expressão «libertar-se da lei da morte»?

 

* Na RTP 1, 2.ª-feira, 9 de outubro, depois das 21h00 (hora oficial de Portugal continental), com repetição nos demais canais da televisão pública portuguesa, e disponível, também, no RTP Play.