O género do nome próprio Alambra (= Alhambra) - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
O género do nome próprio Alambra (= Alhambra)

Na realidade, esta talvez não seja uma dúvida específica de língua portuguesa, pois pode apenas reflectir uma dúvida do castelhano na tradução do árabe. Refiro-me ao género do nome próprio Alhambra (o conjunto monumental em Granada, Espanha). Tenho visto escrito das duas formas e gostava de saber se alguma é mais correcta. Obrigado.

Pedro Monteiro Professor Lisboa, Portugal 3K

José Pedro Machado, no Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa, regista a forma castelhana Alhambra, que é também corrente em enciclopédias e dicionários enciclopédicos portugueses (ver Grande Dicionário Enciclopédico Verbo), mas remete-a para Alambra, cuja grafia é preferível. Machado observa que «em Portugal emprega-se este vocábulo com certa frequência no género feminino, mas sem esquecer a do masculino».

No contexto do Acordo Ortográfico de 1945, Rebelo Gonçalves, no Vocabulário da Língua Portuguesa (1966), aceita apenas a forma Alambra e o seu uso no género feminino. Como a palavra árabe original é al-hamrâ, «a (cidade) vermelha», ao que parece no feminino (ver Machado), será este então o género mais adequado em português.

Carlos Rocha
Tema: Uso e norma Classe de Palavras: nome próprio
Áreas Linguísticas: Léxico; Morfologia Flexional