A origem de oxítona, de paroxítona e de proparoxítona - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
A origem de oxítona, de paroxítona e de proparoxítona

Desde já agradeço o vosso trabalho, nele tenho encontrado respostas para bastantes dúvidas.

Agradecia que me explicassem qual a origem dos termos: oxítona, paroxítona e proparoxítona.

Arminda Almeida Funcionária pública Lisboa, Portugal 19K

Palavra oxítona – é aquela que, tendo duas ou mais sílabas, tem o acento tónico na última sílaba. Exemplos: café, também, canguru, etc.

Palavra paroxítona é aquela que tem o acento tónico na penúltima sílaba. Exemplos: bola, rapazola, nível, etc.

Palavra proparoxítona é aquela que tem o acento tónico na antepenúltima sílaba. Exemplos: cópia, concórdia, dinâmica, etc.

Oxítona, paroxítona e proparoxítona provêm do vocábulo grego ‘oxytónos’, que significava: de som agudo, gritante, estridente.

A. Tavares Louro