João Nogueira da Costa - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
João Nogueira da Costa
João Nogueira da Costa
14K

João Manuel de Castro Soromenho Nogueira da Costa (Lourenço Marques, hoje Maputo – Moçambique, 1949), professor reformado de Português e Francês.

 
Textos publicados pelo autor
À volta da etimologia de <i>sacrilégio</i>, <i>lenha</i> e <i>colega</i>
A atenção às palavras

«Sacrilégio significa, etimologicamente, "ato de roubar coisas sagradas". Outras palavras existem com base neste verbo latino legĕre (...).» Um apontamento etimológico à volta do vocábulo sacrilégio, de João Nogueira da Costa, que revela as relações históricas menos óbvias entre palavras.

Publicação seu mural de João Nogueira da Costa no Facebook em 29 de julho de 2019.

 

 

 

Deturpações populares
Erros com colesterol, vistoria e casa geminada, entre outros casos

«Há algumas deturpações populares que são fáceis de perceber, embora com uma irreprimível vontade de rir quando as ouvimos na presença de quem as diz sem pestanejar» – começa assim este apontamento do professor João Nogueira da Costa a respeito de certos termos – colesterol, vistoria e casa geminada – alterados por ação de falantes menos conhecedores, que os distorcem por analogia e alteração fonética.

Publicação do mural do autor no Facebook, em 8 de agosto de 2019.

«Um aldrabãozinho honesto»
Quando da boca de alguém sai um inesperado oxímoro...

«[...] [N]uma conversa entre amigos, ouvi alguém referir-se a um seu conhecido como «um aldrabãozinho honesto»… Achei este oxímoro um verdadeiro achado.»

[Apontamento do professor João Nogueira da Costa sobre o conceito de oxímoro e publicado na página de Facebook do autor em  26 de novembro de 2018.]

Palavras formadas de epónimos
Nomes de pessoas que se tornam nomes comuns

«Os dicionários definem epónimo como “aquele que dá o seu nome a qualquer coisa”. (...) Há várias palavras formadas a partir de epónimos cuja origem pode-nos parecer mais “camuflada” (...)»

São mais de 20 os epónimos inventariados por João Nogueira da Costa neste apontamento publicado na página de Facebook deste autor em 26 de dezembro de 2018.

Reduções de palavras que não são abreviaturas
Nove casos de apócope e um de contração

Recém é o mesmo que recente, mas só se usa com particípios passados (recém-nascido, recém-casados, recém-eleito...). O professor João Nogueira da Costa regista este e outros casos de reduções de adjetivos no apontamento que aqui se transcreve, da sua página de Facebook (30 de agosto de 2019).