Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Aberturas Abertura
As últimas do Acordo Ortográfico
As últimas do Acordo Ortográfico
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 416
texto descritivo da imagem

1. Um guia rápido para aplicação da nova ortografia encontra-se já disponível nas páginas da Internet dos Ministérios da Educação e da Cultura, estando previsto acontecer o mesmo nos demais ministérios do Governo português. O documento é da responsabilidade da mesma  equipa de linguistas que elaborou o Vocabulário Ortográfico do Português (VOP) e  o conversor Lince  – ferramenta de conversão automática de texto para a nova grafia –, ambos acessíveis de forma gratuita no Portal da Língua Portuguesa e recomendados oficialmente  em Portugal.

Segundo a Resolução do Conselho de Ministros n.º 375/2010 especificamente destinada a este assunto, o Acordo Ortográfico passa a ser aplicado nos ensinos básico e secundário a partir do mês de Setembro e, quatro meses mais tarde (ou seja, em Janeiro de 2012), em todos os demais organismos e publicações do Estado português. Até lá, ficou determinado no ponto 5: « (...) que, a partir de 1 de Janeiro de 2011, cada departamento governamental desenvolva iniciativas de informação e de sensibilização e assegure a divulgação de conteúdos, previamente articulados, no respectivo sítio da Internet, para esclarecimento da aplicação do Acordo Ortográfico».

Outra ferramenta importante para uma mais fácil e rápida adopção da nova grafia do português são os correctores ortográficos já harmonizados pelo VOP do ILTEC lançados pela Microsoft, o Office 2007 e o 2010. Os programas gratuitos (Open Office, Firefox, etc.) deverão estar prontos brevemente.

2. Destaque neste dia para os dois últimos textos integrados na nossa base de dados: um do professor Fernando Cristóvão e outro do nosso colaborador Paulo Barata.

3. No Cuidado com a Língua!* do dia 23 de Maio, segunda-feira, às 21h30**, na RTP 1, depois do Telejornal: Porque se diz calças, ou um par de calças, e não "(uma) calça"? E qual a relação entre calças e calçado? O actor Miguel Guilherme, no papel de alfaiate, é o convidado do programa deste dia. Nele se fala, também, de alguns femininos e plurais… "traiçoeiros". Por exemplo, sobre o feminino “alfaiata” ou sobre a pronúncia de “acordo”, no plural. Ou, ainda, dos acentos que caem com o Acordo Ortográfico.


* Com repetição nos demais quatro canais da televisão pública portuguesa, ficando ainda disponível na página da RTP na Internet, aqui.

** Hora oficial de Portugal continental.