Pirenéus - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Pirenéus

Sempre escrevi Pirinéus, a minha filha de 10 anos escreve Pirenéus, consultei um Atlas que identifica a dita cordilheira como Pirinéus!

Quem tem razão? Será que temos ambas razão?

Obrigado e cumprimentos.

Cristina Luís Santos das Dores Portugal 10K

Quem tem razão é mesmo a filha da consulente; é Pirenéus. Segundo o Dicionário Onomástico Etimológico da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Livros Horizonte, Lisboa), é um topónimo de origem grega: 'Pyrenaîa', «cadeia de montanhas entre a Gália e a Hispânia, pelo latim 'Pyrenaeos' (montes). "Pirinéus" (ou "Pirineus") é forma inexacta, como se lhe refere Rebelo Gonçalves no Vocabulário da Língua Portuguesa (Coimbra Editora, 1966), que regista ainda a variante brasileira: Pireneus. J. P. M. e R. G. lembram ainda as duas formas antigas usadas por Camões n'Os Lusíadas: Pireneu [Canto IV, estrofe 57, linha 7 (em rima com obedeceu); Canto VI, estrofe 56, linha 6]; e Pirene [Canto VII, estrofe 71, linha 4].

José Mário Costa