Padre, P. e Pe
Tenho visto escrita em revistas e jornais a abreviação da palavra "padre" de duas maneiras: «P.» e «Pe».
No Anuário católico, quando se enumeram os sacerdotes das várias dioceses, aparece, a meu ver, mais correctamente, apenas a abreviação P., seguida dos nomes...
Qual é a forma correcta? Ou se ambas forem consideradas correctas, a preferível?
E como surgiu a segunda forma: por "influência" brasileira?
Fernando Pinho Fátima, Portugal 6K

Esta palavra tem duas abreviaturas: P. e Pe. Ambas são correctas. Julgo que não há influência brasileira. A 10.ª edição do "Grande Dicionário da Língua Portuguesa", de António de Morais Silva, menciona-as.

É preferível a abreviatura Pe., porque a presença do e liga-nos mais facilmente à palavra completa por ela terminar em e.