Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Carlos Alberto Faraco
Carlos Alberto Faraco
942

Linguista brasileiro. Professor titular (aposentado) de Língua Portuguesa da Universidade Federal do Paraná; coordenador da Comissão Nacional do  Brasil  do Instituto Internacional da Língua Portuguesa e do respetivo Conselho Científico para os trabalhos da elaboração do Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa, instrumento de importância estratégica para a afirmação do idioma comum dos países da CPLP; autor, entre outras obras, de História Sociopolítica da Língua Portuguesa.

 
Artigos publicados pelo autor
Imagem de destaque do artigo

No Brasil, aqueles que querem a eliminação do “h” inicial e do hífen ou a substituição do “ch” pelo “x” entre outras propostas “simplificadoras” da ortografia do português escreve o autor, em artigo dado à estampa no jornal “Gazeta do Povo" do dia 16 de setembro de 2014, se fossem levados a sério, acarretaria «efeitos educacionais e culturais desagregadores».

 

 

Imagem de destaque do artigo

Quem, no Brasil, acha que sim, formou o movimento Simplificando a Ortografia, defendendo uma maior simplificação da grafia do português, tal como ficou definida no Acordo Ortográfico de 1990. Objetivo anunciado pelos defensores de uma mais radical simplificação das atuais regras ortográficas: « (...) barateamen...

Imagem de destaque do artigo

 «Criado em 1989 em 1989 na primeira reunião dos chefes de Estado de todos os países que adotam o português como língua oficial, [o IILP] é hoje o fórum para a gestão compartilhada de todos os aspectos da língua que sejam do interesse conjunto desses países.»

 

O português é uma língua em franca expansão no cenário internacional: vem crescendo o número de seus falantes como primeira e segunda língua e como língua estrangeira.