António Mega Ferreira - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
António Mega Ferreira
António Mega Ferreira
1K

António Mega Ferreira (Lisboa, 1949), escritor português, antigo jornalista, principal responsável da ideia e da concretização da Expo-98, realizada em Lisboa. Presidente do Centro Cultural de Belém de 2006 a 2012.

 
Textos publicados pelo autor

«De repente, (...), rebentou nos jornais [portugueses] uma borrasca que, ao que parece, se vinha gerando desde há tempos na Academia das Ciências de Lisboa» – escreve o autor, sobre o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea, vindo a público em 2001, «após doze anos de duros e silenciosos trabalhos.»

[artigo publicado na revista Visão do dia 4/05/2006, de que se transcreve a seguir, na íntegra com a devida vénia. Cf. nos Textos Relacionados outras opiniões sobre o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea.]

Ciclicamente, alguns órgãos de comunicação social portugueses sobressaltam-se com aquilo a que, se efectivamente existisse, poderíamos chamar a «deriva anglófona» de Moçambique: os primeiros passos para a integração daquele país da costa oriental da África no espaço da Commonwealth, em meados da década de noventa, fizeram soar as campainhas de alarme destes integérrimos defensores da língua portuguesa.

O «passo seguinte» (chegou-se a escrever) seria a substituição pura e simples do portug...