O mandado de detenção de Bruno de Carvalho…...e o seu mandato que já lá vai… - Pelourinho - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Português na 1.ª pessoa Pelourinho Artigo
O mandado de detenção de Bruno de Carvalho… ...e o seu mandato que já lá vai…
O mandado de detenção de Bruno de Carvalho…
...e o seu mandato que já lá vai…

A detenção do ex-presidente destituído do Sporting Cube de PortugalBruno de Carvalho – indiciado por 56 crimes no processo de investigação ao ataque ao centro de treino do próprio clube, em Alcochete, em 15 de maio p.p. (dois crimes de dano com violência, 20 crimes de sequestro, um crime de terrorismo, 12 crimes de ofensa à integridade física qualificada, um crime de detenção de arma proibida e 20 crimes de ameaça agravada) –, trouxe à tona, de novo, a confusão entre mandado e mandato, como se ilustra ao lado. Tão simples quanto isto: o que levou à detenção de Bruno de Carvalho foi uma ordem judicial passada em forma de mandado, cinco meses depois da destituição do seu mandato presidencial.

Sobre o autor

Jornalista português, cofundador (com João Carreira Bom) e responsável editorial do Ciberdúvidas da Língua Portuguesa. Autor do programa televisivo Cuidado com a Língua!, cuja primeira série se encontra recolhida em livro, em colaboração com a professora Maria Regina Rocha. Ver mais aqui.