Comentador demasiado criativo - Pelourinho - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Português na 1.ª pessoa Pelourinho Artigo
Comentador demasiado criativo

Um comentador desportivo da BBC foi despedido por ter levado a sua «criatividade» longe demais. Durante o relato de um desafio de futebol na Radio Manchester (BBC), Chris Price disse que a defesa de uma das equipas tinha «mais buracos que um avião espanhol». Choveram  protestos dos ouvintes, Price foi obrigado a pedir desculpa e a BBC mandou-o exercitar a sua criatividade à procura de um novo emprego.

Ainda está por esclarecer que estranho fenómeno leva os jornalistas e comentadores de desporto em todo o mundo a usarem e abusarem das metáforas mais disparatadas. A linguagem do jornalismo desportivo parece ter um conflito insanável com a objectividade, sendo rara a manchete que não exige do leitor uma capacidade charadística.

Os relatores e comentadores da rádio portugueses acompanham o estilo e perdem-se em circunlóquios sucessivos que deixam os ouvintes quase tão cansados como os jogadores.

O pior é quando relatores e comentadores pensam que são humoristas e desatam a fazer graça com tudo o que lhes vem à cabeça. Fazem graça e fazem figuras tristes, porque se esquecem de que o humor é inseparável da inteligência.

Sobre o autor

Jornalista freelancer português.