Do léxico às convenções literárias e científicas - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
Este é um serviço gracioso e sem fins comerciais, de esclarecimento, informação e debate sobre a língua portuguesa, o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. Sem outros apoios senão a generosidade dos seus consulentes, ajude-nos a dar-lhe continuidade: Pela viabilização do Ciberdúvidas. Os nossos agradecimentos antecipados.
Início Aberturas Abertura
Do léxico às convenções literárias e científicas
Do léxico às convenções literárias e científicas
Por Ciberdúvidas da Língua Portuguesa 827

1. No consultório, com uma nova pergunta regressamos à discussão dos neologismos: se temos imortal e imortalidade, justifica-se criar agora amortal e amortalidade? Perante uma dúvida sobre dois sinónimos, aziago e azarento, propomos definir os matizes que contrastam as duas palavras. Deparamo-nos depois com o uso frásico das expressões «o bastante» e «o suficiente», para verificarmos que estas podem ter função adverbial. E, passando das palavras aos textos, retomamos as convenções da expressão poética e identificamos tipos de rima. No PelourinhoGuilherme de Almeida aponta um erro de concordância verbal com o pronome indefinido alguém, numa legenda de jornal.

2. Voltando ao tema do necessário rigor a ter na formação e no uso de termos especializados, vale a pena chamar a atenção para os resultados da tão indispensável – e quantas vezes inexistente, infelizmente – colaboração entre certas entidades que, em Portugal e no Brasil, desenvolvem trabalho importante e até reconhecido oficialmente no campo da fixação das terminologias técnico-científicas. É o caso de um documento publicado em 2012, o Vocabulário Internacional de Metrologia – Conceitos fundamentais e gerais e termos associados  (VIM  2012), versão luso-brasileira da 3.ª edição do International Vocabulary of Metrology – Basic and General Concepts and  Associated Terms JCGM 200:2012. Não obstante o mérito de haver sido elaborada por uma equipa conjunta de especialistas do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro (Brasil) e do Instituto Português da Qualidade, esta publicação denota, no entanto, algumas lacunas na correta articulação com a lexicografia e a lexicologia da língua portuguesa (ver Controvérsias). Não será tempo de coordenar esforços, e competências específicas, de modo a evitar discrepâncias entre as terminologias e as normas linguísticas de âmbito geral?

3. No programa Língua de Todos de sexta-feira, 29 de janeiro (às 13h15* na RDP África; tem repetição no sábado, 30 de janeiro, depois do noticiário das 9h00*), o tema em foco é a situação do português na Guiné-Bissau. O programa Páginas de Português de domingo, 31 de janeiro (pelas 17h00*, na Antena 2), é dedicado ao VI Encontro de Escritores de Língua Portuguesa; que se realiza de 1 a 3 de fevereiro p. f., na cidade da Praia, em Cabo Verde.

* Hora oficial de Portugal continental.